Não sou uma super mãe

Érica Manoela, mãe de Felipe e Bruno, trabalha, estuda, cuida da casa, das crianças e ainda queria não se sentir cansada no fim do dia

-Publicidade-

Sou mãe de dois meninos Felipe de 3  e  Bruno de 7 anos, sempre trabalhei e estudei, não tenho empregada em casa, uma rotina  com vária funções ocupo um cargo de coordenação que exige muito.

Os meninos ficam na escola e quando chegam querem contar todas as novidades: as conquistas, as brigas as brincadeiras, comecei a sentir o corpo cansado eu mesma me cobrava uma casa impecável, preparar pessoalmente o lanche das crianças, ajudar nas tarefas escolares estar presente em todas as reuniões escolares, sem falar do lado esposa dar atenção ao marido.

-Publicidade-

Até que um dia vi que eu não era essa Super Mulher Maravilha capaz de cuidar de tudo e todos e que eu precisava de ajuda. Que jantar fora algumas vezes durante a semana, pedir para o marido levar as crianças ao dentista não ia me diminuir como mãe, só ia acrescentar na minha relação com as crianças porque menos cansada podia brincar , rir das falas das crianças, sem falar do tempo que ganhei como mulher ir no salão encontrar com as amigas.

Não temos que ter culpa em falar hoje a mamãe esta cansada e quem vai contar historia para vcs é o papai!!Mais felicidades menos culpa!!!

-Publicidade-