Bebês com doenças do coração se recuperam por meio de método inovador: “Foi uma surpresa”

Hospital em Belém está usando recurso terapêutico chamado “hammock”, que estimula o alinhamento postural, as funções respiratórias, reduz o gasto energético, o estresse e o excesso de estímulos

Resumo da Notícia

  • Bebês com doenças do coração recebem indicação de recuperação nas redes, ao invés, de berços.
  • O método se chama “hammock”
  • O principal benefício da técnica é a estimulação multissensorial e o desenvolvimento neuropsicomotor do bebê.

Antônio Neto nasceu há um mês e está entre os bebês com doenças do coração em redes, no Hospital de Clínicas Gaspar Vianna (HC), em Belém, no Pará. O menino precisou de uma cirurgia de correção da má-formação do coração. Na recuperação, os pais ficaram surpresos quando o viram balançando, ao invés, de um leito na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal.  De acordo com o hospital, esse método é chamado de “hammock”, uma forma de acolhimento humanizado e traz como principal benefício: a estimulação multissensorial e o desenvolvimento neuropsicomotor do bebê.

-Publicidade-
O método “hammock” é uma forma de acolhimento humanizado ao bebê (Foto: iStock)

“Quando chegamos para a visita e encontramos ele dormindo na rede, foi uma surpresa e um momento especial. Depois, a equipe explicou os benefícios para o desenvolvimento dele e como podemos continuar usando a rede em casa, o que é bom para nós porque já é costume na nossa família”, disse o pai, Elinelso Silva, com a mãe, Ana Roberta Magalhães, em entrevista para a Agência do Pará.

A técnica também pode ser feita em casa pelos pais (Foto: Reprodução/ G1/ Agência Pará)

Os pais podem fazer a técnica em casa com os filhos. Esse jeito pode ser encontrado bastante em unidades de terapia intensiva e tem sido feitos estudos científicos sobre o tema. Em relação ao hospital de Belém, rede vista na fotografia acima é um modelo novo criado em lugar das versões antigas e improvisadas feitas com lenções amarrados.

“Em um ambiente hospitalar, especialmente em uma UTI, a luminosidade, o barulho e outros estímulos podem atrapalhar o desenvolvimento neuropsicomotor do bebê. A rede é um recurso que ajuda nesse desenvolvimento, favorecendo o equilíbrio no balanço, o alinhamento postural em uma posição semelhante ao intrauterino, além de melhorar as funções respiratórias, com a redução do gasto energético causado pelo estresse e o excesso de estímulos”, contou o fisioterapeuta do hospital, Paulo Douglas Andrade.