Bebês

Isabel Hickmann diz que se sente em ‘segundo plano’ depois de nascimento do filho

Modelo diz em entrevista que 'aproveitando o sorriso rasgadinho' de Francisco, que fará cirurgia em breve para corrigir fissuras que atingem seu lábio

Samirah Fakhouri

Samirah Fakhouri ,filha de Rose e Fauzi

Bebê Francisco tem fissura na boca (foto: reprodução/Instagram)

Isabel Hickmann completa 32 anos nessa sexta-feira, e domingo passará o primeiro dia das mães com Francisco, seu filho de apenas 6 meses.

A vida da modelo era uma movimentação só: desfiles, fotos e presença vip em eventos de grandes marcas. Com um sorrisão no rosto, ela conta em entrevista para O Globo que está numa fase maravilhosa, de muito amor e aprendizado. Feliz com o rumo que sua vida tomou, afirma que a maternidade a transformou numa pessoa melhor.

“É uma luz tão grande que o Francisco emana. Cada dia que passa, tenho mais certeza que sou a mulher de mais sorte nesse mundo. Sinto tanto orgulho dele. É esperto, carinhoso e é aquele tipo de criança que só reclama quando algo realmente está errado. É só amor, mesmo nos momentos difíceis. Ele é luz em todo lugar que chega”, diz Isabel.

A modelo também comenta que hoje virou “segundo plano”, que o bebê é o centro das atenções. “Ainda que ele não esteja comigo é assim”, diverte-se. “E eu não ligo, não! Francisco é a razão da minha vida e dou todos os espaços que ele quiser e precisar. Acredito que isso é ser mãe. Aliás, ainda estou aprendendo a ser mãe. A coisa do instinto realmente existe. Há coisa que fazemos pela primeira vez que parece que já nascemos sabendo. É sempre uma evolução”.

Isabel conta que aguarda para fazer a primeira das quatro cirurgias que o filho terá que fazer — Francisco nasceu com lábio leporino e fenda palatina (fissuras que atingem o lábio e o céu da boca).”Ainda não marcamos a data, mas será em breve. Ele tem 6 meses e já está apto. Estamos aguardando alguns detalhes para deixar tudo pronto. Enquanto isso, vou aproveitando o sorriso rasgadinho dele”.

Segundo a modelo, ela recebe inúmeras mensagens diariamente de gente que foi tocada com sua história. “Desde mães, grávidas, pessoas na mesma condição, amigos ou até aqueles que não tinham ideia do que é o labio leporino… Uma a cada 650 crianças que nascem sofrem de má formação congênita. E onde estão esses fissurados? Hoje um mundo se abriu para nós, como isso é compensatório. Quebrar tabus, eliminar preconceito, aliviar o coração”.

 

Leia também: 

6 fotos que provam o quanto o filho de Ana Hickmann se parece com a mãe

Primos podem casar entre si e ter filhos? A genética explica

Sertanejo Cesar Menotti faz festa de cair o queixo no 1° aniversário da filha