Bebês

Sempre alerta: mangueira de jardim causa queimaduras de segundo grau em bebê

Nicholas já se recuperou do susto e hoje está bem. Mas fique atenta para não acontecer o mesmo com seu filho!

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

A americana Dominique Woodger imaginou que estava apenas brincando com seu filho no jardim de casa no verão, quando ligou a mangueira de água para encher uma piscina infantil no quintal, em 2006. Foi quando a brincadeira acabou em caso grave: seu filho, Nicholas, de apenas 9 meses, teve queimaduras de segundo grau por mais de trinta por cento de seu corpo.

Embora já tenham se passado dois anos desde o incidente, oficiais do corpo de bombeiros em todo país estão republicando fotos de Nicholas como um aviso para evitar que situações semelhantes não aconteçam mais.

Dominique disse em entrevista a uma rede de TV local que não fazia ideia que a água que saía da mangueira estava quente quando jogou acidentalmente a água no filho.

“Eu pensei que ele estava chorando por estar com raiva. Ele odeia quando jogam água no rosto dele. Jamais imaginei que aquilo estava queimando ele”, disse. Ela conta que, quase imediatamente, a pele de Nicholas começou a descascar e muitas bolhas se formaram pelo seu corpo.

No dia, fazia mais de 40 graus, o que significa que a água que estava parada dentro da mangueira poderia chegar a até 65 graus. “Com essas temperaturas altas, até uma pequena exposição de 10 a 30 segundos pode resultar em uma queimadura de segundo grau”, disse o capitão do departamento de bombeiros da cidade de Phoenix, nos EUA, Larry Subervi.

Felizmente, Nicholas se recuperou completamente e hoje está saudável. Mas fica o recado para os pais: “Apenas tenha cuidado. Toque na mangueira e cheque a temperatura da água antes de deixar seus filhos brincarem ou se aproximarem”, concluiu.

Fonte: PopSugar

Leia também:

Sempre alerta: assim que seu filho sair da piscina precisa trocar a roupa UV

Sempre alerta: Torrar no sol? Esquece!

Alerta: menino sofre queimadura na perna por causa de balão metalizado