Atriz de ‘Doutor Estranho’ é presa e condenada por abuso sexual infantil

Zara Phytian e o marido, Victor Marke, foram condenados por 8 e 14 anos, respectivamente

Resumo da Notícia

  • A atriz Zara Phytian foi condenada por abuso sexual infantil
  • O marido dela também
  • Os dois foram presos

Após serem condenados na semana passada por abusos sexuais de crianças, a atriz Zara Phytian e o marido Victor Marke, instrutor de artes marciais, foram presos nesta segunda-feira, dia 16 de maio, após a divulgação da sentença pela corte de Nottingham Crow, na Inglaterra. Zara foi condenada a oito anos na prisão e o marido, a 14.

-Publicidade-

A britânica participou do filme “Doutor Estranho”, do universo Marvel, em 2016. Ela está sendo acusada de abusar sexualmente de uma vítima durante 2003 e 2005, quando a adolescente tinha 15 anos. Victor também cometeu abusos contra a mesma garota, além de cometer crimes sexuais sozinho contra uma outra menor de idade.

Atriz de 'Doutor Estranho' é presa e condenada por abuso sexual infantil
Atriz de ‘Doutor Estranho’ é presa e condenada por abuso sexual infantil (Foto: Reprodução TOM MADDICK/SWNS)

Zara e o marido foram considerados culpados por 14 e 18 crimes sexuais, respectivamente. Uma das vítimas informou à Justiça que o casal roubou a inocência dela e também, corrompeu o desenvolvimento. Ela declarou em um comunicado: “Eu sabia que era errado, mas não sabia como sair da situação, nem dizer nada. Eu apenas fiz o que eles me pediram para fazer. Eles fizeram parecer que eu era um garota travessa e eles estavam me ajudando. Senti que não havia saída. Disseram-me para não falar nada.” Ela ainda contou que planejava “morrer com minha vergonha” e guardar segredo sobre o caso, mas mudou de ideia ao se tornar mãe.

Zara Phytian e Victor Marke se conheceram quando ele se tornou o instrutor de artes marciais dela. Depois, ela iniciou uma carreira de sucesso nas lutas, como dublê e atriz. No depoimento, o homem admitiu atividade sexual com uma das jovens, mas falou que ela tinha 18 anos na época. Ele falou que o abuso aconteceu em apenas uma ocasião e que Zara não estava envolvida. Ela negou qualquer tipo de abuso.