Sem moleza! George e Charlotte entram de férias um mês depois dos colegas de classe e explicamos o porquê

Os pais resolveram adiar o descanso dos filhos para afastar os pequenos do “tédio” da quarentena

Resumo da Notícia

  • Príncipe George e a princesa Charlotte não vão entrar de férias
  • O príncipe William e a Duquesa Kate decidiram manter os filhos nas aulas por mais tempo
  • Os irmãos tiveram homeschooling para se afastar da vida monótona

 

-Publicidade-
George e Charlotte são elogiados pelos professores da escola Thomas’ Bettersea de Londres (Foto: reprodução / Instagram @kensingtonroyal)

O príncipe George e a princesa Charlotte entrarão de férias na próxima semana, depois de ficarem desde março,  no início da quarentena, tendo aula em casa. Os irmãos terão descanso um mês depois dos seus colegas, que já haviam parado com as aulas em junho. Isto porque seus pais, o princípe William e a duquesa Kate Middleton, acharam que seria melhor mantê-los ocupados com as tarefas, já que a vida pessoal da família acaba sendo naturalmente mais “monótona” do que dos demais.

A pequena Charlotte de 5 anos está no que os britânicos chamam de primeiro ano do estágio, que corresponde ao primeiro e segundo ano do ensino fuundamental no Brasil, enquanto seu irmão George, de 6 anos, acabou de terminar o que seria o terceiro e quarto ano da escola para nós.

-Publicidade-

De acordo com o que foi decretado pelo primeiro-ministro Boris Johnson, eles devem voltar às aulas em setembro, assim como os outros estudantes do país. Alunos da Thomas’ Battersea de Londres, a dupla é elogiada pelos professores, que são instruídos a tratá-los como plebeus. A decisão de retomar com as aulas presenciais foi contestada por muitos pais ingleses que consideraram a atitude “precipitada”, segundo O Globo,

-Publicidade-