Casal de idosos tem reencontro emocionante em casa de repouso após ficarem 3 meses separados

Georgie e Joyce Bell são casados há mais de 60 anos e choraram de emoção no momento do encontro

Resumo da Notícia

  • Casal de idosos se emocionam em reencontro após 3 meses
  • Eles são casados há mais de 60 anos
  • O reencontro aconteceu na casa de repouso, onde vivem

No início do mês de novembro, um casal de idosos ficou 100 dias separados e se reencontraram em uma casa de repouso em Middlesbrough, na Inglaterra. A história comoveu os funcionários que trabalham no local que registraram o momento.

-Publicidade-

Georgie, de 89 anos, e Joyce Bell, de 87, são casados há mais de 60 anos e choraram de emoção no momento do encontro. “Senti muita saudade. Não estamos acostumados a ficar um sem o outro”, disse marido. “Ele me abraçou com força e disse que nunca mais me deixaria pelo resto de sua vida”, contou Joyce.

Casal de idosos se reencontram após 100 dias
Casal de idosos se reencontram após 100 dias (Foto: Reprodução / Razões Para Acreditar)

Eles estavam com problemas de saúde e então tiveram de ficar internados no período de 3 meses. Quando finalmente receberam alta, foram transferidos para a casa de repouso de Tollesby Hall.

A história dos dois começaram quando tinham entre 21 e 23 anos, período em que se casaram na igreja St. Cuthbert em Newport Road, que já não existe mais. Eles contam que, no começo, George teve dificuldades em agradar a mãe da amada. “Minha mãe costumava chamá-lo de ‘o motoqueiro brutamontes'”, brincou Joyce.

No entanto, o marido conquistou o coração de toda a família e conseguiu se casar com ela. “Ele fez de tudo para meus pais aprovarem nosso relacionamento. Estamos juntos por causa de sua grande determinação”, contou ela. “Estar com ela é a motivação da minha vida”, afirmou ele.

Casal de idosos se reencontram após 100 dias
Casal de idosos tem encontro emocionante após 3 meses separados (Foto: Reprodução / Razões Para Acreditar)

Uma das cuidadoras da casa de repouso, Rachel White, afirmou que George e Joyce são os “residentes mais ilustres do local’. “Eles são um exemplo de casamento bem-sucedido, construído com amor desde o princípio”, concluiu.