Família decora rua sem saída com 1 milhão de lâmpadas para Natal: “Trazer luz e esperança”

A tradição começou em 1996 e reúne todas as noites cerca de 3 mil visitantes

Resumo da Notícia

  • Uma família de Curitiba decorou uma rua sem saída com 1 milhão de lâmpadas
  • A tradição começou em 1996 e reúne 3 mil pessoas todas as noites
  • O espaço deverá ficar aberto para visitação até o dia 06 de janeiro

A família de Lucas Moletta não brinca em serviço! Residentes no bairro Umbará, em Curitiba, a família reúne cerca de 3 mil pessoas todas as noites para prestigiar a rua sem saída onde montaram uma estrutura com mais de 1 milhão de lâmpadas iluminadas para celebrar o Natal.

-Publicidade-

De acordo com Lucas, o evento não é de hoje. O neto de Brígida Pelanda Moletta contou que foi ela quem começou em 1996 a decorar as casas e os jardins da família. Apesar de ser mais elaborada atualmente, a tradição ainda conta com o apoio dos filhos, noras, genros, netos e até bisnetos.

A decoração feita pela família de Lucas Moletta
A decoração feita pela família de Lucas Moletta (Foto: Reprodução Natalia Filippin/g1)

“Cada um da família tem seu próprio trabalho, meus tios tem uma construtora, minha mãe tem loja, meu primo tem escritório de engenharia, mas a maioria tem flexibilidade para conciliar o emprego com a rua iluminada. Quando chega a época de montar tudo, desde agosto, setembro, a gente usa todos os fins de semana para conseguir dar conta e deixar tudo pronto até o Natal. Agora é dormir tarde, acordar cedo para ir trabalhar normal e voltar aqui para trabalhar na rua”, contou ele ao portal de notícias do g1.

Além do teto iluminado de cerca de 250 metros, que comporta um milhão de luzes natalinas, todas as casas da família também recebem decoração, como flores, guirlandas, papais-noéis, trenós, bonecos de neve, presépios e grandes árvores iluminadas.

“A intenção é trazer luz e esperança para as pessoas, ainda mais depois de anos tão difíceis por causa da pandemia. Finalmente estamos conseguindo voltar a nos reunir, e nada mais especial do que viver as belezas do Natal ao lado de quem a gente ama”, afirmou ainda Lucas Moletta.  Espaço ficará aberto para visitação até o dia 6 de janeiro.