Homem passa pelo primeiro transplante de rosto e mãos bem-sucedido do mundo

Joe DiMeo, de 22 anos, teve 80% do corpo queimado em um acidente de carro em julho de 2018

Resumo da Notícia

  • Joe DiMeo, de 22 anos, teve 80% do corpo queimado em um acidente de carro em julho de 2018
  • e tornando o primeiro paciente a ser submetido a um transplante duplo de mãos e rosto
  • Após cinco meses de recuperação, o resultado da operação feita em agosto de 2020 foi um sucesso

Joe DiMeo, de 22 anos, teve 80% do corpo queimado em um acidente de carro em julho de 2018, se tornando o primeiro paciente a ser submetido a um transplante duplo de mãos e rosto. Após cinco meses de recuperação, o resultado da operação feita em agosto de 2020 foi um sucesso, informou a ABC7.

-Publicidade-

O procedimento ocorreu no Centro Médico NYU Langone, na cidade de Nova York, Estados Unidos, e durou 23 horas. Um total de 140 profissionais da saúde, como cirurgiões e enfermeiros, auxiliaram no procedimento.

Antes do sobrevivente de queimaduras ir para a mesa de cirurgia, os cirurgiões praticaram o procedimento uma dúzia de vezes por um ano, tamanho o risco da operação.

-Publicidade-
Ele teve o primeiro transplante de rosto e mãos bem-sucedido do mundo (Foto: Reprodução/ ABC7)

“Ele [Joe] entendeu os riscos envolvidos e sabia que esta era uma cirurgia de ponta que não tinha tido sucesso no passado, mas ele tinha muita fé em todos nós”, contou o cirurgião.

Com cinco meses de recuperação e várias horas de fisioterapia, Joe teve um progresso acima da média e aceitou os novos membros transplantados. “Sinto-me muito grato”, disse o paciente, que teve cinco artérias, duas veias principais, dois ossos, 21 tendões e três nervos reconectados.

-Publicidade-