Impressionante! Arqueólogos encontram seis múmias de crianças no Peru

Os restos mortais foram enterrados como sacrifício em um complexo urbano próximo à Lima, capital do país, assim presume a equipe de pesquisadores

Resumo da Notícia

  • Pesquisadores encontraram seis múmias de crianças
  • Elas foram enterradas como sacrifício
  • Os restos mortais datam entre o ano 800 e o ano 1.000 A.C

Nesta última segunda-feira, 14 de fevereiro, uma equipe de arqueólogos encontrou seis múmias de crianças, enterradas em um antigo complexo urbano de Cajamarquilla, que foi construído a partir do barro e está localizado nos arredores da capital do Peru, Lima, há mais de 1.000 anos.

-Publicidade-

De acordo com os pesquisadores, possivelmente os restos mortais foram sacrifícios. Por isso, as crianças foram colocadas de baixo da terra junto com uma importante figura da sociedade daquela época, uma outra múmia descoberta em novembro de 2021.

Uma das múmias de crianças encontrada
Uma das múmias de crianças encontrada (Foto: Reprodução Guadalupe Pardo)

“As crianças, segundo nossa hipótese de trabalho, teriam sido sacrificadas para acompanhar a múmia no caminho para o mundo dos mortos. Elas [as múmias] podiam ser parentes próximos e foram colocadas dentro de embrulhos funerários feitos de tecidos colocados em várias partes da entrada do túmulo da múmia”, afirmou o arqueólogo Pieter Van Dalen para a AFP.

As seis crianças foram encontradas com os corpos enrolados em tecidos, e ainda foram colocadas em diversas posições próximas à entrada do complexo urbano, que fica há 24 quilômetros da capital peruana. Cajamarquilla foi erguida por volta do ano 200 a.C. por uma civilização pré-inca.

“As crianças podiam ser parentes próximas e foram colocadas dentro de embrulhos funerários feitos de tecidos colocados em várias partes da entrada do túmulo da múmia. A antiguidade destas múmias seria entre o ano 800 e o ano 1.000 depois de Cristo”, informou ainda Pieter Van Dalen.