Mãe também é gente e pode se divertir, sim!

O bom humor agradece

Mãe também é gente(Foto: reprodução / Getty Images)

Se arriscar e perceber que você pode ser e/ou fazer o que quiser, essa é a questão. E não deveria ser apenas um conselho, uma dica, uma sugestão… Deveria ser uma ordem! Ordem que a gente mesmo se impõe, e com felicidade, sabe? Porque fazer coisas que nunca fizemos é sair da zona de conforto, é aumentar o nosso reportório, se enriquecer. O risco de ser da turma do “não vi e não gostei” deveria ser apavorante para qualquer um. Vai lá! Se joga. Arrisque. Experimente. Seu bom humor agradece!

-Publicidade-

Leia também:

-Publicidade-

Mãe também é gente e erra sim! Não se culpe tanto pelas falhas

Mãe também é gente e merece mudar o visual, sim!

Mãe também é gente e erra sim! Não se culpe tanto pelas falhas

 

-Publicidade-