Médica dá dicas de como ensinar os filhos aprender a contar de maneira fácil e descontraída

A Dra. Kristyn Sommer, publicou um vídeo, nas redes sociais, dando dicas de como ajudar os filhos a desenvolver habilidades de contar

Resumo da Notícia

  • Médica compartilhou um vídeo dando dicas de como ajudar os filhos aprender a contar
  • Ela utilizou bolas de pelúcia coloridas para explicar
  • A publicação viralizou na web ajudando milhares de mães

A Dra. Kristyn Sommer, conhecida como @drkristynsommer na web, usou as redes sociais para compartilhar um vídeo dando dicas de como ajudar os pais a ensinar os filhos a contar de maneira mais fácil e descontraída, usando três bolas de pelúcia coloridas.

-Publicidade-

“Aos 18 meses, as crianças tem uma habilidade incrível de entender duas das três regras importantes para aprender a contar”, começou. “E eles têm isso, não só no próprio idioma, mas podem detectar erros de contagem em outros idiomas também”, acrescentou.

Médica ensina crianças a contar de maneira mais fácil (Foto: Reprodução / The Sun)
Médica ensina crianças a contar de maneira mais fácil (Foto: Reprodução / The Sun)

“A primeira regra é uma ordem estável. Essa é a ideia de que você sempre conta na mesma ordem”, disse. “Você não precisa usar números perfeitos. Não precisa dizer ‘um, dois, três, quatro’. Se uma criança diz ‘um nove B 12’, eles sempre dizem a mesma sequência e estão dominando a regra da ordem de maneira estável”, continuou. Kristyn afirmou que essa regra é uma das primeiras coisas que as crianças precisam entender para contar corretamente.

A segunda regra, ela explica, é uma correspondência de um para um: “Isso significa que as crianças têm a expectativa de que, quando você está contando algo, precisa dizer ‘um, dois, três, quatro'”, disse a Dra. batendo em cada bola em uma linha reta. Se pular um na fila, ela diz que isso é uma violação da correspondência: um dois um. Então, as crianças vão “pirar” e questionar o que está fazendo.

Médica ensina crianças a contar de maneira mais fácil
Médica ensina crianças a contar usando bolas coloridas de pelúcia (Foto: Reprodução / The Sun)

A regra final, é chamada de analogia com cartas: “É a ideia de que o último número que você conta é o valor de todo o conjunto”, disse. “Isso significa que tenho quatro itens, mas isso geralmente não é passado até os três anos de idade. Embora as crianças possam contar perfeitamente até 100 por três, não significa que entendam a quantidade do que estão contando”, disse enquanto contava as bolas. Acrescentando que não precisar ensinar explicitamente o filho a contar, apenas modelá-lo com situações cotidianas.

A publicação viralizou nas redes sociais e atingiu mais de 1,2 milhões de visualizações e milhares de comentários: ” Meu filho de 18 meses começou a contar outro dia e eu fiquei frustrada. Ele pode contar até 10 e eu também nunca tentei ensiná-lo”, confessou uma seguidora. “Isso responde à minha pergunta sobre o que eles não ficam confusos quando tantas canções infantis contam para trás”, disse outra. A médica respondeu a este comentário dizendo: “Totalmente. As canções de ninar obedecem a todas as regras de contagem, então faz sentido”.