;
Criança

Oscar 2019: conheça 11 filmes sobre família e maternidade que foram indicados

Para maratonar antes da premiação

Emily Santos

Emily Santos ,filha de Maria Teresa e Francisco

Bao, curta-metragem da Disney-Pixar (Foto: Divulgação)

Em época de Oscar, os filmes, atrizes a atores e as histórias tomam conta das conversas. E nada melhor do que assistir e conversar sobre um filme no qual você se reconheça, né? Por isso, separamos abaixo uma lista de 9 filmes que estão concorrendo na premiação e que falam sobre maternidade e família em diversos aspectos.

Do drama à animação, esses filmes vão te rir ou chorar, confira:

1 – Bao (Melhor Curta em Animação)

Depois que seus filhos saem de casa e se tornam independentes, uma mãe chinesa-canadense sofre com o seu “ninho vazio”. Quando um dos seus bolinhos artesanais ganha vida, ela recebe uma nova oportunidade para experienciar a maternidade. No entanto, ela precisa entender que mesmo as criatura mais doces e fofas também crescem eventualmente.

2 – Madre (Melhor Curta-Metragem)

Em seu apartamento com sua própria mãe na Espanha, uma mulher recebe um telefonema de seu filho de 6 anos, que está de férias na França com o pai. O pesadelo de todos os pais.

3 – Of Fathers and Sons (Melhor Documentário de Longa-Metragem)

Após conseguir a confiança de uma família radical islâmica, o documentário mostra o dia a dia de suas vidas ao longo de dois anos. O foco é em Osama e seu irmão mais novo, Ayman, mostrando o que significa crescer em meio a um califado islâmico.

4 – Detainment (Melhor Curta-Metragem)

Baseado em um caso real de 1993, Detainment relembra a história de Robert Thompson e Jon Venables, dois garotos que, aos 10 anos, foram condenados pelo assassinato do menino James Bulger.

No curta, fora as entrevistas da polícia com os assassinos de James Bulger serem reconstituídas, a morte do garoto também foi encenada e a mãe dele não gostou disso. A mulher, Desine Fergus, escreveu no Twitter como estava sentindo sobre isso. “Eu não consigo expressar como estou enojada e chocada por esse filme ter sido feito e agora indicado ao Oscar”, escreveu Denise em sua conta no Twitter.

5 – A Esposa (Melhor Atriz)

Joan Castleman (Glenn Close) é casada com um homem controlador e que não sabe como cuidar de si mesmo ou de outra pessoa. Ele é um escritor e está prestes a receber um Prêmio Nobel de literatura. Joan, que passou 40 anos ignorando seus talentos literários para valorizar a carreira do marido, decide abandoná-lo.

6 – Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível (Efeitos Visuais)

Christopher Robin (Ewan McGregor) já não é mais aquele jovem garoto que adorava embarcar em aventuras ao lado de Ursinho Pooh e outros adoráveis animais no Bosque dos 100 Acres. Agora um homem de negócios, ele cresceu e perdeu o rumo de sua vida, mas seus amigos de infância decidem entrar no mundo real para ajudá-lo a se lembrar que aquele amável e divertido menino ainda existe em algum lugar

7 – Roma (Melhor Filme)

Cidade do México, 1970. A rotina de uma família de classe média é controlada de maneira silenciosa por uma mulher (Yalitza Aparicio), que trabalha como babá e empregada doméstica. Durante um ano, diversos acontecimentos inesperados começam a afetar a vida de todos os moradores da casa, dando origem a uma série de mudanças, coletivas e pessoais.

8 – Cafarnaum (Melhor Filme de Língua Estrangeira)

Aos doze anos, Zain (Zain Al Rafeea) carrega uma série de responsabilidades: é ele quem cuida de seus irmãos no cortiço em que vive junto com os pais, que estão sempre ausentes graças ao trabalho. Quando sua irmã de onze é forçada a se casar com um homem mais velho, o menino fica extremamente revoltado e decide deixar a família. Ele passa a viver nas ruas junto aos refugiados e outras crianças que, diferentemente dele, não chegaram lá por conta própria.

9 – Os Incríveis 2 (Melhor Animação)

Quando Helena Pêra é chamada para voltar a lutar contra o crime como a super-heroína Mulher-Elástica, cabe ao seu marido, Roberto, a tarefa de cuidar das crianças, especialmente o bebê Zezé. O que ele não esperava era que o caçula da família também tivesse superpoderes, que surgem sem qualquer controle.

10 – Se a Rua Beale Falasse

Baseado no célebre romance de James Baldwin, o filme acompanha Tish (Kiki Layne), uma grávida do Harlem, que luta para livrar seu marido de uma acusação criminal injusta e de subtextos racistas a tempo de tê-lo em casa para o nascimento de seu bebê.

11 – O Retorno de Mary Poppins (Trilha Sonora Original)

Numa Londres abalada pela Grande Depressão, Mary Poppins (Emily Blunt) desce dos céus novamente com seu fiel amigo Jack (Lin-Manuel Miranda) para ajudar Michael (Ben Whishaw) e Jane Banks (Emily Mortimer), agora adultos trabalhadores, que sofreram uma perda pessoal. As crianças Annabel (Pixie Davies), Georgie (Joel Dawson) e John (Nathanael Saleh) vivem com os pais na mesma casa de 24 anos atrás e precisam da babá enigmática e o acendedor de lampiões otimista para trazer alegria e magia de volta para suas vidas.

Leia também:

17 filmes mais esperados de 2019 que você e seu filho não podem perder

10 filmes de Natal para você assistir com seu filho já

10 melhores filmes infantis lançados em 2018