Rodízio de veículos volta ao normal em São Paulo na semana que vem

A partir de segunda-feira, 2 de agosto, a circulação de carros na cidade de São Paulo volta ao horário tradicional

Resumo da Notícia

  • O rodízio de veículos de São Paulo volta ao horário tradicional na segunda-feira
  • O antigo rodízio noturno era uma maneira de conter a pandemia da covid-19
  • Os horários vão funcionar das 7h às 10h e das 17h às 20h

Nesta quarta-feira, 28 de julho, o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, anunciou sobre a volta do rodízio tradicional na cidade. A mudança acontece já a partir da próxima segunda-feira, 2 de agosto. Os horários vão funcionar das 7h às 10h e das 17h às 20h.

-Publicidade-

Durante o período de restrição, por causa da pandemia de covid-19, o governo de São Paulo havia aplicado a medida de um rodízio noturno, que funcionava das 21h às 05h no toque de circulação. A medida tradicional é válida de segunda à sexta-feira.

Também a partir da próxima semana, como mencionado em uma coletiva de imprensa realizada no início da tarde de hoje, a quarentena será flexibilizada em todo o estado. Estabelecimentos podem funcionar até às 00h e a taxa de ocupação sobe para 80%

O rodízio de carros irá voltar ao normal a partir do dia 2 de agosto, em São Paulo (Shutterstock)

Como funciona o rodízio em São Paulo

O rodízio na cidade de São Paulo é estabelecido a partir do final da placa de cada veículo. Durante o período das 7h às 10h e das 17h às 20h, não se pode circular nas ruas e avenidas internas do mini-anel viário. Confira abaixo a relação das placas e dias:

  • 1 e 2: não podem circular na segunda-feira
  • 3 e 4: não podem circular na terça-feira
  • 5 e 6: não podem circular na quarta-feira
  • 7 e 8: não podem circular na quinta-feira
  • 9 e 0: não podem circular na sexta-feira