“Simone não vive sem Simaria”, diz Frank Aguiar sobre Simone e Simaria

Frank Aguiar, ex-empresário de Simone e Simaria, comentou em entrevista sobre a relação das irmãs que começaram a carreira com ele

Resumo da Notícia

  • Frank Aguiar foi empresário de Simone e Simaria de 1998 a 2005
  • Em entrevista, Frank Aguiar deu sua opinião sobre as polêmicas envolvendo as duas
  • O ex-empresário de Simone e Simaria acha improvável uma separação das duas

Responsável por lançar a dupla Simone e Simaria, o ex-empresário das irmãs, Frank Aguiar, comentou sobre os recentes acontecimentos envolvendo as duas, especialmente Simaria.

-Publicidade-
Frank Aguiar foi o empresário de Simone e Simaria de 1998 a 2005
Frank Aguiar foi o empresário de Simone e Simaria de 1998 a 2005 (Foto: Reprodução/ Instagram/ @simoneesimaria)

Após trabalhar 7 anos com a dupla sertaneja, de 1998 até 2005, Frank Aguiar contou em entrevista ao Splash, do UOL, o que acha sobre as polêmicas envolvendo Simone e Simaria. Frank começou declarando que acha improvável uma separação: “Não acho que elas possam se separar. Elas se completam”. O ex-empresário completa: “Simone não vive sem a Simaria”.

Fora isso, Frank diz que as brigas sempre ocorreram, mas que nunca abalou a relação das duas: “São irmãs que sempre brigaram, mas que se defendem também. Não aguentam ouvir ninguém falando uma da outra. Brigam e logo fazem as pazes, sempre foi assim”. Ele ainda chegou a criticar os julgamentos feitos à dupla: “Vi comentários negativos, principalmente sobre a Simaria, e fico triste demais com a incompreensão das pessoas […] Querem julgá-la e condená-la”.

Frank Aguiar diz que Simone e Simaria são "filhas do coração"
Frank Aguiar diz que Simone e Simaria são “filhas do coração” (Foto: Reprodução/ Twitter)

Frank Aguiar finalizou contando que considera Simone e Simaria como “filhas do coração”, e que apesar de terem terminado a parceria por conflitos entre eles, ainda as considera como família: “Tivemos nossos conflitos, como uma família tem, mas admiro demais as duas”.