Tiroteio deixa ao menos seis mortos e vários feridos durante desfile de 4 de junho nos EUA

Na segunda-feira de 4 de julho, durante o desfile da Independência dos Estados Unidos, ocorreu um tiroteio cujo suspeito ainda não foi identificado

Resumo da Notícia

  • Na segunda-feira de 4 de julho ocorreu um tiroteio nas proximidades de Chicago, nos Estados Unidos
  • Ao menos seis pessoas foram mortas e mais de vinte pessoas feridas
  • O suspeito pelo crime ainda não foi identificado

Em Highland Park, um subúrbio de Chicago, que possui aproximadamente 30 mil habitantes, ocorreu um tiroteio, por volta de 10 horas da manhã, no horário local. O ataque aconteceu logo no início de um desfile tradicional de 4 de julho, feriado nos Estados Unidos, e no momento em que as pessoas ouviram o barulho dos tiros o desesperou já predominou no local.

-Publicidade-
Menina de 4 anos foi atingida por bala enquanto comprava pipoca
O ataque começou aproximadamente 20 minutos após o início do Desfile de Independência, e a polícia já concedeu algumas informações sobre o caso (Foto: Getty Images)

A polícia local realizou uma coletiva de imprensa, em que relatou que 31 pessoas foram levadas aos hospitais e ao menos seis vítimas morreram. Ainda, afirmaram que o suspeito não foi identificado até o momento, porém não há indícios de que o atirador esteja com reféns no momento. De toda forma, orientaram a população a não sair de casa e evitar a região onde ocorreu o ataque a tiros.

Além disso, a polícia também afirmou que encontrou um rifle, arma de fogo portátil, de cano longo, no local do crime. O suspeito foi descrito como um homem branco, de 18 a 20 anos, cabelo preto, e no momento usava uma camiseta azul. Ele foi descrito pelas testemunhas como “armado e perigoso”.

A prefeitura da cidade de Highland Park cancelou o desfile do Dia da Independência e pediu que as pessoas tomassem cuidado.