Mulher faz relato emocionante ao descobrir infertilidade aos 25 anos: “Quebrada e sozinha”

Miranda Burns descobriu que tinha endometriose em 2018, e que a condição havia causado danos às suas trompas. Para dificultar ainda mais a situação, o parceiro Tristan Hall, de 22 anos, descobriu que ele tinha problemas com a morfologia do esperma

Resumo da Notícia

  • Miranda Burns descobriu que tinha endometriose em 2018, e que a condição havia causado danos às suas trompas
  • Para dificultar ainda mais a situação, o parceiro Tristan Hall, de 22 anos, descobriu que ele tinha problemas com a morfologia do  esperma
  • O que tornava a concepção natural "clinicamente impossível", segundo o que disseram a eles

Miranda Burns descobriu que tinha endometriose em 2018, e que a condição havia causado danos às suas trompas. O que também significava que ela tinha uma reserva de óvulos super baixa. Ela tinha 4,7, enquanto outra mulher da mesma idade tinha cerca de 30.

-Publicidade-

Para dificultar ainda mais a situação, o parceiro Tristan Hall, de 22 anos, descobriu que ele tinha problemas com a morfologia do esperma, tornando a concepção natural “clinicamente impossível”, segundo o que disseram a eles. O casal estava junto há apenas seis meses quando descobriram toda a extensão dos problemas – o que imediatamente os fez entrar em ação.

A dupla ficou noiva e começou a fertilização in vitro, na esperança de realizar o sonho de se tornarem pais. Atualmente, eles estão compartilhando a jornada de tentar engravidar online e documentando todo o processo no novo podcast do casal chamado Test Tube Baby, que em português seria ‘Bebê de Tubo de Ensaio’ – na esperança de informar e aumentar a conscientização sobre a infertilidade.

O casal criou podcast para conscientizar sobre a infertilidade (principalmente entre os jovens) (Foto: Reprodução/ The Sun)

Detalhando a trajetória até agora, Miranda, apresentadora da rádio Capital FM, disse ao Mirror que com a própria condição e a de Tristan combinadas, os especialistas médicos disseram que ter um bebê era impossível. Embora estivessem “muito tristes”, a dupla sabia que queria ficar junta e construir uma família.

No que só poderia ser descrito como um “milagre”, o casal engravidou naturalmente em maio de 2020. Mas, infelizmente, a gravidez terminou em aborto espontâneo na 18ª semana, deixando os dois “de coração partido”.

Miranda Burns descobriu que não pode ter filhos naturalmente os 25 anos e ficou com o coração partido (Foto: Reprodução/ The Sun)

“Por causa da Covid, eu estava sozinha quando descobri  que nossa filha não havia sobrevivido, e Tristan teve que ser chamado enquanto estava sentado no carro do lado de fora, o que foi muito angustiante”, contou a tentante. “O podcast é uma chance de aumentar a conscientização sobre essas questões – honestamente, sinto que muitas pessoas mais jovens (incluindo eu) consideram sua fertilidade garantida e eu gostaria de ter sabido mais antes”, acrescentou.

A dupla vai narrar a trajetória de engravidar online (Foto: Reprodução/ The Sun)

Miranda disse que a notícia da própria infertilidade a deixou se sentindo “quebrada e sozinha”, e ela nunca quer que outra mulher “se sinta tão isolada quanto eu”. Tristan, um produtor de podcast, espera que a própria história incentive mais homens a falar sobre os próprios problemas de fertilidade, dizendo “os caras não falam sobre essas coisas”.

Ele disse: “Quando descobri, fiquei arrasado e, para ser honesto, muito emasculado. Sempre achei que ter filhos era um dado adquirido, mas claramente não é tão simples.”