Gravidez

Mariana Kupfer fala sobre maternidade e produção independente: “Tem coisa que a gente só aprende na prática”

A autora do livro “Eu, mãe e pai” veio até a redação bater um papo com a gente

Cecilia Malavolta

Cecilia Malavolta ,Filha de Iêda e Afonso

Andressa Simonini, Mariana Kupfer e Jennifer Detlinger (Foto: Arquivo Pessoal)

Conversamos com Mariana Kupfer, autora do livro “Eu, mãe e pai” sobre produção independente e maternidade solo.

VOCÊ SE PREPAROU PARA SER MÃE?
Sim, estudei enquanto estava grávida. Mas, por mais que eu tenha lido livros e recebido muitos conselhos, algumas
coisas só se aprende na prática, quando o bebê chega.

QUEM FOI SUA REDE DE APOIO?
Eu contei com a ajuda de uma pessoa muito importante, que faz parte da minha família há mais de 22 anos e criou meus sobrinhos e depois voltou para cuidar de mim e da minha filha.

VOCÊ TEM SEU MOMENTO MÃE TAMBÉM É GENTE?
Sim, e sempre deixo claro para a minha filha que uma hora do dia é dedicado a mim, o resto é tudo dela!

O QUE VOCÊ QUER DEIXAR PARA A SUA FILHA?
Eu acho que o maior legado que a gente pode deixar é o exemplo. Além de todos os princípios que eu tento passar, quero que ela veja o trabalho como algo importante e bom.

Confira abaixo a entrevista na íntegra:

Leia também:

O que é ser mãe? Respondemos às principais pesquisas do Google

Cantora famosa dos anos 90 anuncia gravidez aos 44 anos através de produção independente

Pesquisa aponta que os pais estão educando crianças mais independentes