Gravidez

Rainha Elizabeth odeia que chamem Meghan Markle de “grávida”, a monarca prefere outra palavra

A avó do príncipe Harry cultiva tradições bem diferentes!

Jéssica Anjos

Jéssica Anjos ,filha de Adriana e Marcelo

Rainha Elizabeth convida mãe de Meghan Markle para celebrar o natal. (Foto: Getty Images)

Rainha Elizabeth chama Meghan Markle de um jeito especial (Foto: Getty Images)

A gravidez da duquesa de Sussex Meghan Markle, casada com o príncipe Harry, não é novidade para ninguém. Aliás, o que mais se lê na internet agora é sobre o próximo bebê real que será o sétimo na linha de sucessão ao trono inglês.

O que provavelmente poucas pessoas sabem é que a rainha Elizabeth II, bisavó do primeiro filho do casal, odeia que chamem Meghan de “grávida”. A gestação da duquesa é descrita de outra maneira no Palácio de Buckingham, a residência oficial da rainha, ou em qualquer outro lugar onde o chefe da casa real dos Windsors esteja presente.

De acordo com a Glamuramaa rainha tem algumas manias esquisitas que herdou dos antepassados e não usa nunca a palavra “grávida” para se referir às mulheres, porque lhe parece vulgar. A rainha Victoria e seu sucessor rei Eduardo VII também pensavam assim.

(Foto: Getty Images)

Elizabeth e Meghan parecem sempre muito migas (Foto: Getty Images)

Então, a avó do príncipe Harry prefere mil vezes que digam que Meghan está “no caminho da família” sempre que precisa falar sobre a gravidez de Meghan, e pede para que as pessoas que estejam a sua volta façam o mesmo. Cada família com a sua mania, não é?

Leia também:

É oficial! Príncipe Harry e Meghan Markle anunciam gravidez 

Conheça 6 regras que Meghan Markle terá que seguir a partir de agora 

Bebê de Meghan Markle e príncipe Harry ganha primeiro presente