Bebê com leucemia tem alta após 10 dias intubado por covid-19: “Nunca perdemos a fé”

Com Síndrome de Down e cardiopata, João Miguel, de 1 anos e 7 meses, passou 19 dias internado antes de deixar o Hospital da Mulher, em Maceió

Resumo da Notícia

  • Com Síndrome de Down e cardiopata, João Miguel, de 1 anos e 7 meses, passou 19 dias internado
  • O bebê bebê testou positivo para o coronavírus e precisou ficar intubado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI)
  • Para alegria da família, após dez dias intubado o bebê recebeu alta médica

João Miguel, de apenas um ano e sete meses, já tem uma história linda de superação! Além de ser cardiopata e ter Síndrome de Down, o bebê testou positivo para o coronavírus e precisou ficar internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Mulher, em Maceió. Para alegria da mãe Eniclécia, após dez dias intubado o bebê recebeu alta médica.

-Publicidade-
Após 10 dias intubado, bebê com leucemia recebe alta de hospital em Maceió ao se recuperar da Covid-19 (Foto: Getty Images)

Eniclécia contou a emoção de receber a notícia que tanto esperou. “Fiquei muito emocionada quando me falaram que ele estava recuperado da Covid-19 e que ia receber alta. Foi uma alegria muito grande, me emocionei muito, chorei de emoção em ver ele saindo do hospital. Nunca perdi a fé”, disse a mãe ao G1.

Antes de se infectar com a Covid-19, o João já enfrentava uma verdadeira luta pela vida. Ele estava fazendo quimioterapia em um hospital particular para tratar uma leucemia descoberta no primeiro mês de vida. Então, ao ser diagnosticado com a covid-19, os problemas de saúde do bebê pioraram. “As médicas não me davam esperança de ele sair dessa por causa das comorbidades que ele tem, mas eu nunca perdi a minha fé”, desabafou Eniclécia.

Mesmo com a gravidade do estado clínico, a equipe médica acreditava na esperança da família. Então, 19 dias após a internação João se curou da Covid-19 e recebeu alta médica na última segunda-feira, 5 de abril, para a felicidade de todos.

“O João Miguel está muito bem agora. Ele precisou ir ao hospital para tomar cálcio e potássio, mas está tudo bem. Ele vai retornar para a nossa casa [em Mata Grande, Sertão de Alagoas] para descansar e depois volta para iniciar a segunda etapa da quimioterapia”, finalizou.