Volta às aulas pós-Carnaval: dicas para a readaptação escolar

É supernormal seu filho estranhar, saiba como reagir

Separei algumas dicas para essa readaptação escolar no pós-Carnaval (Foto: iStock)

A adaptação escolar é sempre um momento de preocupação e insegurança. Ficamos apreensivos, não sabemos como será, como nosso filho irá lidar, se ficará numa boa, e também é uma adaptação para nós, mães. Uma nova fase que será experimentada e iniciada por ambos.

A experiência com a adaptação da minha filha lá no maternal 1 foi relativamente bem tranquila. Karina foi pra escola com quase 2 anos. Na primeira semana ficava um período de 2 horas e depois pela segunda semana, foi aumentando gradualmente até que ficou o período escolar previsto completo.

Os primeiros dias foram mais chatinhos, naturalmente, primeira separação realmente. Eu não estava mais junto ao mesmo tempo no mesmo ambiente por um determinado período. Enfim, chorou um pouco no início, queria a mãe, mas aos poucos foi interagindo em turma, se ambientando, entendendo o processo, entendendo o que se passava, sendo acolhida com muito carinho pela escola (muito importante o acolhimento), mãe e filha acolhidas, e tudo correu muito bem.

Não houve muita dificuldade em se adaptar, não teve choradeiras sem fim, correu tudo bem. Ela já fazia uma atividade musical duas vezes na semana no condomínio e ajudou muito porque já estava acostumada a interagir em turma, com amigos e professores, mas eu também participava.

Então, nossos filhos estão adaptados e quando tudo parecia finalmente estar caminhando tranquilo, chega o feriadão de Carnaval. Uma parada em meio ao processo de adaptação e a rotina da escola é quebrada, o que deverá ser retomada novamente.

É supernormal se no retorno pós-Carnaval seu filho estranhar, se a quebra da rotina com o feriado atrapalhar nesse retorno, pois pode haver uma regressão, então só precisamos ter paciência, tranquilidade, transmitir segurança e conversar com nosso filho.

Abaixo estão algumas dicas para essa readaptação escolar no pós-Carnaval:

– Retome a rotina de horários da criança (horário de acordar, das refeições, de fazer as lições e de ir dormir). Coloque seu filho na cama cedo. Muito importante!

– Arrume a mochila e o uniforme com seu filho. Combine sobre o lanche escolar. Deixe tudo organizado na véspera.

– Importante sempre conversar e explicar sobre a escola, rotina, tirar as dúvidas do seu filho. Converse sobre o retorno a rotina/ escola, passar segurança e com muita positividade e otimismo mostrando o quão bacana será esse retorno das aulas, a volta a escola, encontrar os amiguinhos, hora do recreio, brincadeiras, contar as novidades, rever professores.

– Procure se despedir do seu filho, mesmo que a despedida não seja tranquila. Mas seja firme e não saia escondido(a). Explique novamente como funciona a dinâmica da escola. Diga que você vai embora no período da escola, enquanto ele vai ficar brincando com os amiguinhos e depois você vai voltar para buscá-lo.

– Estimule a independência e autonomia do seu filho. Quanto mais autonomia e segurança a criança tiver, será melhor. Transmita sempre segurança! Confiança!

– Esteja sempre próxima da escola e dos profissionais que estão no dia a dia com seu filho. Tire dúvidas, pergunte, participe de perto.

– Paciência, tranquilidade, e nada como um dia após o outro que tudo correrá bem.

– Você teria mais alguma dica para incluirmos na nossa lista? Comente, compartilhe como foi a adaptação escolar de seu filho ou como foi a readaptação escolar no pós-Carnaval. Vamos amar! Seja feliz! Beijos!

Por Karin do @mamaebox

Leia também:

5 coisas que tiram o seu sono por causa da volta às aulas

7 aplicativos que facilitam a vida das crianças (e a sua!) na volta às aulas

Volta às aulas: o que fazer com o material escolar antigo do seu filho?