Colunas / Primi Stili

Alimente os sonhos da sua filha

Quantas vezes elogiamos uma menina pela sua beleza, mas o menino por suas conquistas? - arquivo pessoal
arquivo pessoal

Publicado em 13/07/2019, às 14h42 por Rafaela Donini


Quantas vezes elogiamos uma menina pela sua beleza, mas o menino por suas conquistas? (Foto: arquivo pessoal)

Você já reparou que em algum momento da infância muitas meninas ousadas, destemidas e molecas passam a se comportar de maneira mais tímida e recolhida? Não é apenas impressão. Estive lendo estudos focados na primeira infância que chamam essa “transformação” de “dream gap”: o momento em que as meninas se retraem e deixam de sonhar alto – como os meninos (quantos sonhos você abandonou na infância?).

Essa mudança de comportamento tende a acontecer cedo, por volta dos seis anos: a idade em que muitas meninas deixam de pensar que podem ser e fazer qualquer coisa. Será que nós, pais, contribuímos para isso, mesmo sem querer? Sim. Pesquisa de 2017 da OECD (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) aponta que as meninas têm 3 vezes menos chance de ganhar um brinquedo científico. Já o Google revela que os pais pesquisam duas vezes mais a frase “meu filho é talentoso?” do que “minha filha é talentosa?”. Qual a consequência disso? As meninas perdem a confiança em suas próprias capacidades.

Traduzindo para gestos do dia a dia: quantas vezes elogiamos uma menina pela sua beleza, mas o menino por suas conquistas? Não há problema algum em elogiar: a questão é limitar e dividir o que admiramos nas crianças e o que esperamos delas. Você alimenta o sonho prematuro de sua filha ser uma campeã de futebol ou vôlei, uma engenheira genética ou expert em tecnologia?

Vários estudos já mostraram que as meninas, mesmo as primeiras de suas classes, se acham menos inteligentes que os meninos, provando que essas crenças limitantes se estabelecem super cedo.

Sonhar, imaginar novas possibilidades e ter ideias originais possibilitam inovação e descobertas. E as meninas não devem ficar de fora de um futuro que depende justamente de inovação e mentes brilhantes. E como se estimula isso na infância?

Eu aplico lá em casa o que a intuição e a lembrança da minha infância mandam (e os especialistas corroboram): muitas brincadeiras livres, jogos e atividades de exploração (principalmente na natureza). Para reforçar a coragem de a criança ser o que ela quiser, é preciso brincar e experimentar muito. E quanto mais rica a brincadeira, mais ousadas, criativas e destemidas serão nossas meninas.

Um beijo e até a próxima,

Rafa Donini.

Leia também:

Mãe de menino, mãe de menina: vamos dizer adeus aos estereótipos na infância

A leveza da maternidade

A “matemática” da maternidade


Leia também

Giselle Prattes também é atriz - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

'Sogra' de Sabrina Sato, mãe de Nicolas Prattes foi paquita e engravidou aos 18 anos

Wanessa vive na mansão da mãe - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Wanessa Camargo mora em mansão luxuosa da mãe após separação e 'problemas financeiros'

Juliano Cazarré - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Juliano Cazarré celebra chegada do sexto filho e mostra rosto do recém-nascido

Nasceu! Leticia Cazarré dá à luz sexto filho com Juliano Cazarré - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Nasceu! Leticia Cazarré dá à luz sexto filho com Juliano Cazarré

“Eu odeio o nome da minha filha” diz pai que já mudou o nome da bebê, mas que ainda se arrepende - Freepik/freepic.diller

Bebês

“Eu odeio o nome da minha filha” diz pai que já mudou o nome da bebê, mas que ainda se arrepende

Imagem Fernanda Lima faz revelação: “Depois de 17 anos juntos, resolvemos abrir a relação”

Família

Fernanda Lima faz revelação: “Depois de 17 anos juntos, resolvemos abrir a relação”

Sasha tem dois irmãos por parte de pai - reprodução / Instagram

Família

Sasha Meneghel abre o jogo e fala sobre relação com os irmãos: “Tive que dar uma regulada nisso”

Lore Improta disse quando pretende ter o segundo bebê - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família vai aumentar! 👨‍👩‍👧‍👦

Lore Improta fala sobre a chegada do 2º filho com Léo Santana: 'Curtir nossa família'

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!