Dia da Consciência Negra: menina de 11 anos chamada de ‘macaca magrela’ deixa recado para agressores

“Se você já fez isso com alguém, se algum dia você pedir desculpas, não vai mudar o que você já falou”, escreveu

Resumo da Notícia

  • Recentemente, uma menina de 11 anos teve sua conta no Youtube invadida;
  • O crime se deu para que o hacker pudesse insultar a menina com ofensas racistas;
  • A família denunciou e neste Dia da Consciência Negra, a criança se manifestou sobre esse tipo de crime.

Recentemente, uma menina de 11 anos teve sua conta no Youtube invadida. Esse poderia ter sido apenas um crime comum da internet. Mas na verdade, o crime se deu para que o hacker pudesse insultar a menina com ofensas racistas. A família denunciou o crime e neste Dia da Consciência Negra, a criança se manifestou sobre esse tipo de crime.

-Publicidade-

A menina teve a conta renomeada para “Canal da Macaca Magrela”, e foi ameaçada. “Eu vou te achar e te matar”, escreveu o agressor. Após as denúncias feitas pelo pai da menina, a Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática investiga o caso e procura o agressor. No entanto, a jovem sente que teve sua liberdade cerceada.

Em entrevista ao G1, a menina disse: “Eu estou com muito medo de sair na rua, mesmo meus pais me deixando tranquila. Porque, na verdade, eu não sei quem é que fez isso, eu não sei se é um homem ou uma mulher. Então dá muito muito medo mesmo. Mas quando a polícia achar esse culpado, criminoso, sei lá o que… aí sim, eu ficarei tranquila”.

-Publicidade-
Menina sofre racismo (Foto: Freepick)

Esquenta Black Friday

A Black Friday da Amazon está chegando! Para conferir os produtos que já estão com descontos incríveis em todas as categorias do site, clique AQUI! Você ainda pode ter frete grátis e promoções exclusivas ao se tornar um membro Prime! A assinatura é de apenas R$ 9,90 por mês e também garante entrega mais rápida, acesso a filmes, séries e desenhos animados. Inscreva-se e ganhe 30 dias grátis CLICANDO AQUI.

Menina sofre racismo (Foto: Freepick)

A criança ainda disse que restringiu o acesso a internet: “Meus pais mandaram eu dar um tempo com a internet. Excluir meus canais no YouTube, insta, e face. Só uso meu Whatsapp pra eu falar com meu pai e minha mãe, e meu telefone, caso eu precise ligar pra eles numa emergência”, explicou.

Neste Dia da Consciência Negra, a menina disse preocupar-se com outras crianças que sofrem algum tipo de preconceito e mandou uma mensagem aos agressores: “Se você já fez isso com alguém, se algum dia você pedir desculpas, não vai mudar o que você já falou. E isso é uma coisa que fica marcada pra sempre dentro da gente, assim como ficará em mim, infelizmente.”, lamentou.

A jovem acredita que logo ficará bem e ainda acrescentou: “Eu queria falar que eu não desejo isso pra ninguém, mesmo porque é uma coisa que mexeu muito comigo e que ainda mexe”.

Seminário Internacional Pais&Filhos

O 10º Seminário Internacional Pais&Filhos – Quem Ama Cria está chegando! Ele vai acontecer no dia 1 de dezembro, com oito horas seguidas de live, em formato completamente online e grátis. E tem mais: você pode participar do sorteio e ganhar prêmios incríveis. Para se inscrever para os sorteios, ver a programação completa e assistir ao Seminário no dia, clique aqui!

-Publicidade-