Como saber se estou com dilatação para o parto? Saiba tudo sobre o autoexame de toque

Apesar de ser melhor deixar os exames do colo do útero para os profissionais, é possível verificar por conta própria a sua dilatação, mas apenas caso você tenha a aprovação de um médico ou parteira profissional

Resumo da Notícia

  • Descobrir se você está ou não em trabalho de parto gera muita ansiedade
  • Existem métodos caseiros que irão te ajudar a descobrir se o bebê está a caminho
  • É importante sempre consultar especialistas antes de tentar por conta própria

No final da gravidez, a expectativa de conhecer logo o seu bebê fica cada vez mais intensa. Coincidentemente, é também neste exato período que os “mitos” sobre trabalho de parto aparecem, já que os futuros pais ficam ansiosos e acabam procurando por qualquer sinal que indique se o mais novo integrante da família estará junto com a família em breve.

-Publicidade-

Se você faz parte deste grupo que busca por pistas que prometem indicar se o seu trabalho de parto está ou não se aproximando, então provavelmente já ouviu falar sobre a dilatação do colo do útero, fenômeno natural que ocorre quando tal órgão se abre em até 10 centímetros para permitir a passagem do bebê pela vagina.

(Foto: iStock)

Entretanto, existe um detalhe importante que não deve passar despercebido: verificar a dilatação apenas dá uma noção do progresso do seu corpo, pois estar dilatado não significa necessariamente que o trabalho de parto está por vir. O seu colo do útero pode estar completamente fechado e, em seguida, entrar em trabalho de parto apenas algumas horas depois – ou você pode ter 4 centímetros de dilatação e permanecer nesta situação por semanas.

“Não existem maneiras exatas de afirmar se o trabalho de parto é iminente ou se está muito longe”, diz Marjorie Greenfield, vice-presidente de obstetrícia e ginecologia da Case Western Reserve University School of Medicine em Cleveland, nos Estados Unidos, e autora do livro The Working Woman’s Pregnancy Book. “Mesmo as mães que já tiveram bebês antes podem experimentar cada trabalho de parto de formas diferentes.”

Também é importante observar que alguns riscos – como infecção vaginal ou ruptura prematura de membranas (RPM) – vêm junto com um exame do colo do útero, portanto, é importante consultar o seu médico se você precisa ou não de uma inspeção clínica, e se é realmente uma boa ideia verificar a dilatação por conta própria.

Como verificar a dilatação do colo do útero em casa

Você pode verificar sozinha a sua dilatação, mas ainda é crucial trabalhar com um especialista durante toda a gravidez. Caso você esteja se examinando para dar à luz em casa, também é importante trabalhar com uma parteira profissional certificada, que foi treinada para lidar com certas emergências. “Ninguém deve ter um parto em casa sem um excelente apoio experiente e muita educação”, afirma a Dr. Greenfield.

É importante escolher um profissional para acompanhar o seu parto (Foto: iStock)

Maneira tradicional

Provavelmente é melhor deixar os exames mais detalhados para os profissionais, mas você ainda pode estar curiosa para ver se o seu corpo está ou não se preparando para o trabalho de parto. Veja abaixo como fazer uma autoavaliação caso o médico ou parteira autorizar:

  1. Lave bem as mãos. Você também pode aparar as unhas para evitar cortes internos. Lembre-se: um exame cervical pode introduzir bactérias no canal vaginal, aumentando o risco de infecção.
  2. Agache com as duas pernas bem abertas pode ajudá-la a alcançar a região, ou você pode tentar sentar ou ficar em pé com uma perna elevada. Uma ótima sugestão é pedir para que outra pessoa te ajude a se manter estável.
  3. Insira o dedo indicador e médio e empurre os dedos o máximo que puder para alcançar o colo do útero. Você deve ser o mais gentil possível para não causar hematomas ou complicações.
  4. Verifique a dilatação. O seu útero estará dilatado caso a ponta de um dedo se encaixar no colo do útero, 2 centímetros se caber dois dedos e, em seguida, você pode medir a distância que seus dedos podem se espalhar e medir a partir daí.

O método da linha vermelha/roxa

Existem ainda maneiras mais seguras e não invasivas de verificar sua própria dilatação do colo do útero. E como a dilatação não funciona realmente como a bola de cristal que você está procurando, seguir outro caminho pode não ser tão ruim.

Por mais estranho que pareça, uma linha vermelha ou arroxeada pode aparecer na fenda natal de algumas grávidas à medida que elas dilatam e se aproximam do parto. Esta não é uma maneira confiável de determinar se o bebê está ou não a caminho, mas certamente não lhe fará mal verificar.

veja os cuidados necessários para não ter trombose durante a gravidez
O método da linha precisa da ajuda de um parceiro ou de uma pessoa confiável  (Foto: Getty Images)

Peça a um parceiro ou outra pessoa de sua preferência para que tire uma foto da região. Quanto mais longe do seu ânus e mais perto da parte inferior das costas a linha estiver, mais perto do trabalho de parto você pode estar.

Extraído da revista Parents, copyright ©️ 2021 Meredith Corporation. Todos os direitos reservados. Reimpresso com permissão. Sujeito às leis e tratados nacionais e internacionais de propriedade intelectual. Parents®️ é uma marca registrada nos EUA da Meredith Corporation.