Glória Maria mostra final de semana com as filhas e prova que o tempo voou: “Estão enormes”

Pelas redes sociais, Glória Maria fez uma homenagem para as filhas, Maria e Laura, e aproveitou para deixar uma mensagem aos seguidores para o final de semana

Resumo da Notícia

  • Glória Maria compartilhou seu fim de semana com as filhas
  • A jornalista é mãe de Laura e Maria
  • Nos comentários, os seguidores falaram sobre o crescimento das meninas e que elas estão enormes

Neste sábado, 26 de junho, Glória Maria fez uma homenagem para as filhas e mostrou que está curtindo muito o final de semana com Laura e Maria. Na publicação, a apresentadora aproveitou ainda para deixar um recado aos seguidores.

-Publicidade-

Na legenda da publicação, ela escreveu: “Minha vida é delas! Meus amores! Minha Maria e minha Laura! Passando para desejar um dia lindo pra todos!”. Nos comentários, os amigos e fãs de Glória Maria retribuíram o carinho. Para ver a publicação, é só clicar aqui.

Gloria Maria fala sobre inspiração da avó (Foto: reprodução / Instagram @gloriamariareal)

“Para vocês também…. SAUDADE”, escreveu David Brazil. “Que lindas! Deus as abençoe em nome de Jesus!”, completou uma seguidora. “Que lindo os seus dizeres ” minha vida é delas “… muito amor”, elogiou outra. “Estão enormes e lindas”, concluiu uma quarta.

Glória Maria conta como avó a inspirou na vida

Quem nunca ouviu falar de Glória Maria? A famosa jornalista – primeira mulher negra a ocupar um espaço de protagonismo na maior rede de televisão do país – já cobriu guerras, se aventurou pelo mundo e também fez muito sucesso como apresentadora. Em uma entrevista recente à Marie Claire, Glória Maria contou quem foi, afinal, a grande inspiração dela para o pioneirismo: a avó!

“Era a verdadeira chefe da família. Mal sabia ler ou escrever, mas tinha uma sabedoria incrível. E uma paixão por mim. Ela me ensinou o valor da liberdade. Quando contava histórias dos nossos antepassados, dizia que seus avós não tinham sido escravos porque foram beneficiados pela Lei do Ventre Livre, mas que um deles tinha sido laçado em Minas Gerais. Por isso, enfatizava: ‘Nossos antepassados foram acorrentados, então você não pode permitir nunca que lhe coloquem uma corrente, em nenhum aspecto da vida. Vivi com isso. Meu traçado foi ser livre”, disse.