Grávida de trigêmeos perde marido por suicídio e conta com ajuda de familiares: “Tem sido difícil”

Em Brisbane, na Austrália, Matt e Ashleigh Conwell estavam lidando com vários problemas, principalmente financeiros devido a pandemia do coronavírus

Resumo da Notícia

  • Na Austrália um himem cometeu suicídio enquanto a esposa estava grávida de trigêmeos
  • Matt e Ashleigh Conwell estavam lidando com vários problemas, principalmente financeiros
  • Amigos e familiares criaram uma vaquinha oferecendo apoio financeiro e emocional à futura mãe

De partir o coração! No no último dia 2 de setembro, em Brisbane, na Austrália, um homem cometeu suicídio, enquanto a esposa estava grávida de trigêmeos. Devido a pandemia causada pela covid-19, Matt e Ashleigh Conwell estavam lidando com vários problemas, principalmente financeiros e ainda estavam com gastos adicionais, devido à expectativa com a chegada dos bebês.

-Publicidade-
Apolícia de Queensland, Austrália, confirmou o suicídio (Foto: Reprodução / Daily Mail)

A irmã de Conwell, Emily Fallon, disse que o cunhado era “genuíno e atencioso”, mas vinha lutando contra os problemas pessoais.”Este ano tem sido difícil para todos, até mesmo as pessoas mais fortes que você pensou que poderiam passar por ele. Isso apenas mostra que o suicídio não discrimina”, contou segundo o Daily Mail.

O casal se conheceu em 2008, Matt tinha visto a futura esposa em um jornal local depois que ela participou de evento para arrecadar fundos para pessoas com leucemia. Logo, ele decidiu contatá-la por uma rede social. Após semanas trocando mensagens, Ashleigh, com 17 anos na época, concordou em se encontrar com Matt, o que resultou no casamento do casal em 2017.

-Publicidade-
O casal estava com orçamento apertado para cuidar dos três bebês  depois que eles foram afetados financeiramente pela pandemia (Foto: Reprodução / Daily Mail)

Ashleigh  disse que tudo o que o casal sempre quis foi começar uma família. Apesar dos obstáculos financeiros, o casal ficou “muito feliz” com a notícia e começou a planejar a nova vida como uma família de cinco pessoas  “Eles descobriram no início de junho que iriam se tornar mãe e pai, mas durante a segunda visita ao médico que descobriram que eram três”, disse.

Uma amiga da família disse que os custos de gravidez, parto e cuidados com trigêmeos, que seriam “desafiadores para qualquer casal”, são especialmente difíceis para uma mãe solteira. “Eles já estavam poupando cada centavo e fazendo um orçamento apertado para a chegada inesperada dos filhos, mas tão desejada. As dificuldades financeiras em que ela se encontra agora será um desafio”, disse ela.

A página Go Fund Me foi inundada com amigos e familiares oferecendo apoio financeiro e emocional (Foto: Reprodução / Daily Mail)

Para ajudar com os enormes custos, ela concordou em permitir que amiga criasse uma página Go Fund Me para ajudar arrecadar dinheiro.”Ashleigh não é o tipo de pessoa que pediria ajuda, e dinheiro nunca pode substituir a perda do marido, mas ela sabe que precisa de apoio”, desabafou amiga. A página feita por  amigos e familiares oferecendo apoio financeiro e emocional à futura mãe.

-Publicidade-