Ixe! As previsões mais malucas para 2021 segundo astrólogos e economistas

Um “spoiler” do próximo ano até que não vai nada mal! Veja a opinião dos profissionais

Resumo da Notícia

  • 2020 com certeza não vai deixar saudade para muita gente, por isso o jeito é pensar no próximo ano e já ir se planejando para o que nos aguarda no futuro
  • Com menos de um mês para a chegada de 2021, bem que a gente queria um “spoiler” sobre o que vem, por aí
  • As principais teorias e previsões sobre os próximos 365 dias são:

2020 com certeza não vai deixar saudade para muita gente, por isso o jeito é pensar no próximo ano e já ir se planejando para o que nos aguarda no futuro. Com menos de um mês para a chegada de 2021, bem que a gente queria um “spoiler” sobre o que vem, por aí! Foi assim que o blog Econoweek, da UOL, reuniu as principais teorias e previsões sobre os próximos 365 dias:

-Publicidade-
As notícias não são tão boas! (Foto: Getty Image)

Astrologia diz que 2021 não será um ano calmo

Com a conjunção entre Júpiter e Saturno, evento que só acontece de 20 em 20 anos, os astrólogos dizem que não devemos esperar tanta tranquilidade desse próximo ano. Eles lembram que a última vez que esses dois planetas se encontraram no céu foi na época do bug do milênio e do estouro da bolha da internet, por exemplo.

Os astrólogos ainda chamam a atenção para a instabilidade econômica que deve perdurar no mercado, o que pode fazer com que muitas profissões e negócios deixem de existir.

-Publicidade-
2021, vem com calma, por favor! (Foto: Reprodução)

Numerologia diz que 2021 será um ano 5

Para completar o quadro de previsões astrológicas, os numerólogos afirmam que 2021 será um ano regido pelo número 5, o que indica uma tendência para as incertezas e as instabilidades. Eles completam dizendo que vamos nos sentir mais procrastinadores, e que qualquer ação frente às adversidades precisará de um esforço extra para acontecer.

O que dizem os economistas?

De acordo com o blog, a economia deve apresentar melhoras lentas ao longo do ano, com empresários mais relutantes na hora de contratar novos funcionários. Além disso, os economistas chamam a atenção para a necessidade de criar uma reserva de emergência, já que não há previsão do Auxílio Emergencial em 2021.

-Publicidade-