Mãe dá à luz no litoral de São Paulo sem saber que estava grávida: “Achei que ia morrer”

Luana Alves já é mãe de um menino de 5 anos e não esperava ter outro filho agora

Resumo da Notícia

  • Luana Alves deu à luz Sophia sem saber que estava grávida
  • A mãe sentiu apenas uma cólica forte horas antes do parto
  • O parto foi feito com ajuda do marido Kaik Geovanny

A atendente Luana Alves, 22, se surpreendeu ao dar à luz na semana passada sem saber que estava grávida. O parto foi feito com ajuda do pai, Kaik Geovanny, 24, que ficou calmo durante todo o processo e conseguiu retirar a pequena Sophia com sucesso. A mãe contou em entrevista ao G1 que estava com dores no pé da barriga, como se fossem cólicas, mas não teve nenhum outro sintoma de gravidez.

-Publicidade-

Apesar da vinda inesperada e do susto sofrido pelo casal, Sophia nasceu saudável, com 2,8 kg e sem complicações. Na última quinta-feira, ela completou 10 dias de vida. Segundo Luana, como já tem um filho de cinco anos, já conhecia bem os indícios de estar esperando um bebê.

“Sintomas de gestante eu não senti nenhum e estava menstruando também. Como eu já tive meu primeiro filho, sabia de alguns sintomas, contrações. Agora na gravidez dela a única coisa que senti foi uma cólica muito forte no pé da barriga. E a barriga não cresceu muito para falar que eu estava grávida, ainda mais de nove meses. Não senti enjoo, nada”, contou.

Mas na última semana, quando saiu para trabalhar, Luana sentiu fortes dores abdominais e ligou para o chefe dizendo que não poderia ir trabalhar naquele dia, então ela iria ao hospital e voltava ao trabalho no dia seguinte. Porém, conforme conta, ao entrar de volta para casa, as dores começaram a aumentar e ela chamou o marido e pediu que ele acionasse o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Sophia nasceu saudável com 2,8 kg
Sophia nasceu saudável com 2,8 kg (Foto: Reprodução/G1)

“Ele ainda falou: ‘calma amor, vai passar’, porque nenhum de nós dois imaginava que era um bebê. E eu falei que não estava aguentando de dor e que estava saindo uma substância escura de mim, então ele chamou o Samu e eu fui tomar banho. Nessa hora eu também estava com muita vontade de fazer xixi”, afirmou.

Ao entrar no banho, ela conta que a dor se intensificou e decidiu agachar, momento em que sentiu algo no seu órgão genital. Nesse momento, pediu ajuda para o companheiro, para identificar o que era. “Eu falei ‘amor, vou morrer, o que é isso em mim’, e até então eu nem pensava na hipótese de ter um bebê”, disse.

Em seguida, ela conta que deitou e o marido viu que, na verdade, tratava-se de um bebê e que a pequena Sophia já estava nascendo. “Eu fiquei sem acreditar, com medo, mas meu marido ficou calmo e começou a fazer o parto. Eu fiz força para ela vir e ela nasceu, só que ela saiu ao contrário, as perninhas vieram primeiro e depois a cabeça. E ela saiu meio roxinha, sem chorar, e meu marido apertou o peito dela, foi aí que ela reagiu”, relembra.

Pouco tempo depois o Samu chegou, e a mãe disse que recebeu um ótimo atendimento do hospital. A bebê recebeu alta três dias depois, e como ela veio de um jeito inesperado a família não teve a oportunidade de fazer o enxoval da menina, mas com ajuda de amigos e familiares o casal conseguiu comprar algumas coisas básicas.

“Quando ela nasceu levei um susto. Eu já tenho um filho de cinco anos então não tinha o objetivo de ter mais nenhum, e eu sou nova ainda, então não planejava ter outro agora. E acabou que ela chegou assim, do nada. Veio de surpresa, e eu pensei ‘meu Deus como você estava assim escondida?’. Mas já a amamos muito”, contou ela, rindo.