Mãe dá luz a bebê de 3,5 kg em carro a quase 100 km/h: “Não sabia que ia acontecer tão rápido”

Em Cumbria, na Inglaterra, Chiara Musetti, de 28 anos, fez o relato sobre o parto da filha enquanto estava a caminho do hospital

Resumo da Notícia

  • Chiara Musetti, de 28 anos, deu à luz filha enquanto o marido dirigia por estradas inundadas à 97 km/h
  • A bebê nasceu às 3h30 do dia 24 de fevereiro, pesando 3,5 kg
  • A mãe disse que as enfermeiras ficaram impressionadas que ela deu à luz enquanto o carro estava movimento

Chiara Musetti, de 28 anos, deu à luz filha enquanto o marido dirigia por estradas inundadas à 97 km/h para chegar a um hospital em Cumbria, na Inglaterra. A mulher estava próxima do Furness General Hospital quando entrou em trabalho de parto.

-Publicidade-
Mulher dá luz a bebê de 3,5 kg em carro a 90 km/h (Foto: reprodução / Getty Images)

Ao todo, o casal demorou 45 minutos para chegar na unidade de saúde, isso porque tiveram que parar repetidamente o carro para verificar se conseguiriam atravessar as estradas, que estavam inundadas. A bebê nasceu às 3h30 do dia 24 de fevereiro, pesando 3,5 kg.

Ao longo da viagem de 45 minutos de sua casa em Windermere até o hospital, o casal teve que parar repetidamente o carro para verificar se conseguiriam atravessar as estradas, que estavam inundadas. “Estávamos a cerca de 10 minutos do hospital quando minha bolsa estourou, então eu sabia que o parto iria acontecer tão rápido. Cerca de cinco minutos depois, a cabeça começou a sair. Tive que me sentar na cadeira, tirar o cinto de segurança e puxar a calça para baixo. Ela simplesmente caiu e eu tive que segurá-la em meus braços”, disse Chiara ao Independent.

A mãe disse que as enfermeiras ficaram impressionadas que ela deu à luz enquanto o carro estava movimento. “Estávamos tentando manter a calma durante a jornada, mas quando ela começou a sair, estávamos gritando. Quando chegamos ao hospital, meu parceiro saiu correndo sem sapatos ou meias porque os havia tirado para passar na enchente. Ele contou a eles o que tinha acontecido, então as parteiras correram para mim. Eles não podiam acreditar que eu tinha dado à luz no carro em movimento”, lembra.

O pai disse que o momento foi inesquecível. “Quando o bebê nasceu, havia três pessoas gritando no carro – eu, Chiara e o bebê que acabara de nasce. Eu não mantive a calma em tudo. Foi a experiência mais intensa da minha vida, mas valeu a pena conhecer Siena”, afirmou.

Após chegar no hospital, Chiara ficou em uma cadeira de rodas para se locomover na unidade,  onde fez a retirada da placenta e ficou em observação por 12 horas até receber alta. O casal disse que o parto do primeiro filho também foi turbulento, por isso não ficaram surpresos que o nascimento do segundo filho também tenha sido agitado.