Mãe é multada em mais de 1000 reais por ter amamentado filha em estacionamento

Durante a viagem da família a recém nascida começou a gritar e chorar. Desesperados, o casal parou no primeiro lugar que viu para alimentar a menina

Resumo da Notícia

  • Amanda Ruggeri foi multada em 170 euros (1056,29 reais) por ter parado em um estacionamento para amamentar a filha
  • A família recebeu um tíquete com o valor da multa semanas após o ocorrido
  • O pedido de isenção de pagamento da multa foi negado

Na Inglaterra, Amanda Ruggeri foi multada em 170 euros (1056,29 reais) por ter parado em um estacionamento de um clube de golfe para amentar a filha de apenas 12 semanas, que estava chorando de fome.

-Publicidade-

De acordo com o portal Daily Mail, A jornalista estava voltando de Newquay para sua casa no norte da Cornualha por volta das 19 horas de domingo, do dia 2 de maio. Em meio aos gritos da recém-nascida, o parceiro de Amanda parou o carro no primeiro lugar que pode estacionar: o Newquay Golf Club. A moça disse que o local estava vazio e que eles só ficaram parados por 20 minutos, tempo necessário para amamentar a menina.

Mãe parou para amamentar a filha e foi multada em estacionamento (Foto: Reprodução/ Daily Mail)

Semanas depois, o casal recebeu um tíquete que administra o estacionamento do clube com o valor de 170 euros a ser pago, por ter sido considerado um carro estacionado ilegalmente. Eles alegaram que, buscando meios de fazer a bebê parar de chorar, correram para o estacionamento, e disseram que não haviam notado sinais que indicassem que eles não podiam estacionar ali. Mesmo com a explicação do casal, o pedido de isenção de pagamento foi negado.

Em conversa com o canal CornwallLive , Amanda disse que a recém-nascida de repente ficou muito angustiada dentro do carro. Ela chorava e gritava sem parar. A mãe contou: “Ela nunca foi fã do carro, mas foi um colapso total – gritos absolutos e com o rosto roxo”.

Ela explicou: “Acontece que nossa filha estava com muita, muita fome e precisava ser alimentada. Amamentei ela por 20 minutos e depois fomos embora. Eram 19h51 e o estacionamento estava vazio, então não achamos que isso incomodaria ninguém”.

Amanda disse que a ironia da situação é que eles passaram apenas uma noite no balneário de Mousehole – a primeira viagem com a filha – e a multa custou muito mais do que todas as refeições fora, acomodação e outras despesas da viagem juntos.

A viagem em família saiu mais cara do que o previsto (Foto: Reprodução/ Daily Mail)

A mãe insistiu que ela e o marido não desejam causar problemas, mas eles acreditam fortemente que a Smart Parking se comportou de maneira “predatória, discriminatória e francamente ilegal”. Quando ela entrou em contato com o Newquay Golf Club para ver se eles poderiam intervir, eles responderam: “Lamento não podermos ajudar com este assunto e como o Smart Parking opera o estacionamento, só pode ser resolvido por meio deles”.

O clube disse que os visitantes são solicitados a registrar seus veículos para que o estacionamento não seja usado pelos banhistas. Eles têm câmeras de reconhecimento de placas na entrada para garantir que haja espaço adequado para os membros e visitantes estacionarem.

O secretário e gerente do clube de golfe, Peter Batty, falou: ‘Temos placas e avisos em todo o clube para lembrar os visitantes de registrar seus veículos ao estacionar, no entanto, reconhecemos que ainda podem surgir problemas, e visitantes que nos contatam sobre um problema de estacionamento em Newquay Golf Club tem suas preocupações atendidas de forma satisfatória e oportuna. Vamos revisar nossa sinalização com nossos operadores de estacionamento para ver se alguma melhoria é necessária”.