Médicas indicam menos cesáreas do que obstetras homens, diz estudo

O estudo foi publicado na última semana pela revista Obstetrics & Gynecology e contou com a analise de mais de 1,2 milhões de partos ao redor do mundo

Resumo da Notícia

  • Uma pesquisa feita pela Faculdade de Medicina de Dartmouth mostrou que médicas do sexo feminimo têm menos probabilidade de realizar cesáreas do que os colegas homens
  • Os estudiosos analisaram mais de 1,2 milhões de partos ao redor do mundo, além de outros 15 artigos sobre o tema.
  • O estudo foi publicado na última semana pela revista Obstetrics & Gynecology

Uma pesquisa feita pela Faculdade de Medicina de Dartmouth, nos Estados Unidos, mostrou que médicas do sexo feminimo têm menos probabilidade de realizar cesáreas do que os colegas homens. O estudo publicado na última semana pela revista Obstetrics & Gynecology analisou mais de 1,2 milhões de partos ao redor do mundo, além de outros 15 artigos sobre o tema.

-Publicidade-
Médicas mulheres preferem parto natural, segundo o estado(Foto: Getty Images)

Segundo os dados da pesquisa, as obstetras têm, em média, 25% a menos de chance de realizar uma cesariana do que eles. É importante notar que os números levaram em conta cada circunstância dos partos; ou seja, casos em que o bebê estava em uma posição complicada ou que a gestação era considerada de risco foram analisados com um correspondente semelhante.

Esquenta Black Friday

A Black Friday da Amazon está chegando! Para conferir os produtos que já estão com descontos incríveis em todas as categorias do site, clique AQUI! Você ainda pode ter frete grátis e promoções exclusivas ao se tornar um membro Prime! A assinatura é de apenas R$ 9,90 por mês e também garante entrega mais rápida, acesso a filmes, séries e desenhos animados. Inscreva-se e ganhe 30 dias grátis CLICANDO AQUI.

-Publicidade-
As médicas também são menos influenciadas pela vontade das mães (Foto: Getty Images)

Além disso, casos hipotéticos de risco também foram avaliados com 4.911 obstetras de ambos os sexos. Os médicos foram questionados se optariam por cesárea ou parto natural em cada uma das circunstâncias médicas apontadas, como a baixa idade gestacional. Os resultados mostraram que nessas condições os homens têm 40% mais chance de indicarem a cirurgia, enquanto as mulheres eram menos propensas até em ceder a operação em casos de pedido da mãe.

A razão pela qual as escolhas se mostraram tão diferentes para cada sexo ainda não está claro para os pesquisadores. A especulação do autor principal do estudo, Dr. Ilir Hoxha, professor assistente adjunto em Dartmouth, é a de que as mulheres são mais sensíveis às gestantes em situações difíceis, enquanto os homens podem ter mais medo do processo.“Não podemos confirmar as explicações. Essas são coisas que podem ser matéria para investigação futura”, afirmou.

Seminário Internacional Pais&Filhos

O 10º Seminário Internacional Pais&Filhos – Quem Ama Cria está chegando! Ele vai acontecer no dia 1 de dezembro, com oito horas seguidas de live, em formato completamente online e grátis. E tem mais: você pode participar do sorteio e ganhar prêmios incríveis. Para se inscrever para os sorteios, ver a programação completa e assistir ao Seminário no dia, clique aqui!

-Publicidade-