Namorada de copiloto de avião que caiu faz desabafo sobre demora nas buscas

Thayla Ares Viana, de 20 anos, usou as redes sociais para falar sobre atraso da equipe de buscas. O avião caiu em região entre Rio de Janeiro e São Paulo na última quarta-feira, 24 de novembro

Resumo da Notícia

  • A namorada do copiloto do avião que caiu entre Rio e SP desabafou sobre demora da equipe de buscas
  • Thayla Ares Viana, de 20 anos, usou as redes sociais para mandar a real sobre atraso das autoridades
  • O acidente ocorreu na última quarta-feira, 24 de novembro, quando um avião caiu na região de Paraty

Thayla Ares Viana, de 20 anos de idade, era namorada do copiloto José Porfírio do Brito – uma das três pessoas presentes no avião que caiu na última quarta-feira, 24 de novembro, na região de Paraty, entre Rio e SP. Nas redes sociais, a jovem admitiu que a equipe de buscas estava demorando para iniciar a procura de seu parceiro, e ainda mandou a real aos seguidores.

-Publicidade-

Segundo ela, a equipe estava aguardando a liberação do condomínio de Laranjeiras, em Paraty, para que começasse efetivamente o processo de buscas. Contudo, a situação aconteceu com horas de atraso, conforme narrou nos stories do Instagram.

Thayla publicou um desabafo no Instagram
Thayla publicou um desabafo no Instagram (Foto: Reprodução/ Instagram)

“Estamos aguardando a liberação do condomínio, para entrarmos, e também temos dois barcos esperando desde 5:30 e NADA de deixarem começarmos as buscas”, contou. “Como vai ser isso? As buscas não podem acontecer após o sol se pôr e quando o sol raia temos que esperar dar o horário!?”. E ainda completa, “Em que país isso tem cabimento?”

Mais cedo neste mesmo dia, Thayla ainda tinha publicado um outro stories – desta vez, para tranquilizar seguidores a respeito do paradeiro de José. “Oie galera, Bom dia! Estamos aguardando o sol nascer para iniciar a busca por ele! Hoje nós precisamos fazer um apelo ao @corpodebombeiros_rj pois eles encerraram as buscas muito cedo ontem, por volta das 15h”.

Thayla ainda publicou um apelo ao Corpo de Bombeiros
Thayla ainda publicou um apelo ao Corpo de Bombeiros (Foto: Reprodução/ Instagram)

O jornal O Globo conversou com o Corpo de Bombeiros carioca sobre o ocorrido, e a equipe afirmou que segue desde quarta-feira à noite, com o apoio da Aeronáutica, em busca dos corpos dos envolvidos no acidente. Em nota, a equipe ainda completa:

“A ação de busca em mar aberto é coordenada pelo Salvaero. Na quinta-feira foram empregadas aeronaves, embarcações e motos aquáticas fazendo varredura em toda região costeira, reforçando as buscas com abrangência na área dos limites do Estado do Rio. As equipes do CBMERJ permaneceram fazendo buscas terrestres, após o pôr do sol pela região costeira de praias”.

Entenda o caso

Na última quarta-feira, 24 de novembro, um avião bimotor caiu em bar aberto entre Ubatuba, localizada em São Paulo, e Paraty, praia que fica no Rio de Janeiro. Dentro dele estavam três pessoas, entre eles o copiloto, que foi identificado como José Porfírio de Brito Júnior. O acidente aconteceu por volta das 21h.

Destroços do avião que caiu próximo ao litoral norte de São Paulo
Destroços do avião que caiu próximo ao litoral norte de São Paulo (Foto: Reprodução / CNN)