Gravidez

Mãe desabafa sobre a primeira vez que fez sexo após dar à luz trigêmeos: “Chorei muito”

Desiree Fortin decidiu compartilhar sua experiência para ajudar outras mães

Jéssica Anjos

Jéssica Anjos ,filha de Adriana e Marcelo

Mãe fala sobre sexo após o nascimento dos filhos trigêmeos (Foto: reprodução / Facebook)

Desiree Fortin deu à luz trigêmeos e passou por problemas durante a gestação como depressão pós-parto e ansiedade. E depois do nascimento das crianças, ela e o marido tentaram retomar a vida sexual. A mãe resolveu compartilhar a experiência em uma rede social chama de The Perfect Mom (A mãe perfeita, em tradução livre). Durante o texto ela desabafa sobre como foi complicado retormar o relacionamento sexual após dar à luz.

“Eu havia dado à luz há três meses quando eu e meu marido fomos passar a primeira noite juntos. Nossa primeira noite sozinhos sem os trigêmeos“, relembra a mãe. Ela disse que estava nervosa em pensar sobre o sexo. Não estava em um bom lugar, emocionalmente falando. “Estava no auge da minha depressão pós-parto. Meu corpo também ainda não estava muito bom. Meus seios vazavam leite com frequência e estava difícil me achar bonita”, contou Desiree.

Ela escreveu que estava com medo de desapontar o marido e estragar a primeira noite que conseguiram ter juntos após o nascimento das crianças. “Talvez para algumas mulheres o sexo após o parto seja algo mágico e incrível. Mas para outras é totalmente o contrário e foi assim comigo. Acho que eu não sou a única que passou por algo assim, né?”, escreveu.

Desiree disse que não iria entrar em detalhes, mas terminou a noite “especial” com o marido chorando e se sentindo ainda mais insegura. “Eu acho que coloquei muita pressão naquela noite. Foi difícil me sentir atraente e estava preocupada com como seria lá embaixo. Só de pensar nisso eu já fico mal”, disse.

A mãe contou que ela e o marido quase não fizeram sexo durante a gestação, principalmente por ser de trigêmeos. “Então, nós estávamos há bastante tempo sem sexo. Felizmente, tenho um marido muito amoroso que não ligou para a maneira como meu corpo estava no pós-parto. Ele sempre viu a beleza em mim”, contou.

Na primeira noite juntos, Desiree lembra se sentar na banheira e chorar muito e o marido estava ao lado dela. “Ele dise que me amava e que eu era linda. Ele também disse que estava preocupado com a minha depressão e ansiedade e que estaria do meu lado durante todo o tratamento”. Desiree disse que a noite foi exatamente o que ela precisava.

“Sexo após o parto pode não ser incrível e está tudo bem. Demora para o seu corpo se recuperar. E eu acho que intimidade é sobre criar proximidade juntos, seja ela física ou emocional”, finalizou.

Desiree com os trigêmeos após o parto (Foto: reprodução / Facebook)

Leia também:

Sexo no pós-parto: 4 fatos que podem chocar, mas que têm solução

Mãe fala sobre ter tido relação sexual duas horas depois de cesárea: “Eu gosto muito de sexo”

7 mitos e verdades sobre o pós-parto