Criança

3 maneiras de prevenir distúrbios alimentares

Saiba como criar um hábito de alimentação consciente

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

cute-asian-little-child-girl-eating-watermelon-fresh-fruit-in-the-picture-id907930534

Foto: iStock

Sua ajuda é essencial para que seus filhos cresçam saudáveis e não desenvolvam distúrbios alimentares. Saiba como você pode ajudar a criar um hábito de alimentação consciente

Não critique o corpo dela

Muitas meninas acreditam em determinados valores, como a importância de ser magra, e têm dificuldade de confiar em si mesmas. É muito importante que mães fiquem atentas quando suas filhas estiverem se sentindo mal com seus corpos e quando estão cultivando uma imagem negativa dele. Tenha cuidado para não usar palavras como “dieta” perto delas. Crianças pequenas, especialmente garotas, são impressionáveis e suscetíveis, então as ensine a se sentirem confortáveis com seus próprios corpos. Mesmo que algumas mães lidem de maneira negativa com seus corpos, é essencial permanecer atento à linguagem e frases ditas na frente da filha, pois isso pode influencia-las de maneira negativa posteriormente.

Não foque apenas no que saudável comer ou não

Quando for falar sobre comida, evite categorizar como “boa” ou “má” ou “saudável” e “pouco saudável”. Ao invés disso, fale sobre as comidas que podem sempre ser consumidas e as que podem ser consumidas de vez em quando; isso ajudará sua filha a entender que é melhor consumir alguns alimentos em menores quantidades. Vegetais, frutas, grãos, proteínas e outros produtos assim podem se encaixar na categoria de comidas que sempre são boas e necessárias para crescer e se desenvolver. Doces e frituras podem entrar em “de vez em quando”, pois são comidas gostosas mas que não são necessárias para o organismo. Quando sua filha tiver vontade de comer algo dessa última categoria, ela pode comer e parar quando estiver satisfeita – lembrando que “estar cheia” e “estar satisfeita” são coisas diferentes. E deixe que sua filha decida quando ela quer terminar de comer – não tome essa decisão por ela.

Incentive suas crianças a prepararem a comida

Seja criativa e peça ajuda para seus filhos prepararem seus próprios pratos, Permita que eles escolham o que querem comer e também ensine quais são os grupos básicos de alimentos. Ofereça várias opções, assim eles podem escolher leite achocolatado em um dia e leite comum no outro. Explique sobre como seus corpos precisam de determinados nutrientes e vitaminas para crescerem fortes; isso faz com que eles sintam que têm controle sobre o que eles comem. Ao consumir comidas variadas, explique a importância e efeito positivo de cada alimento.

Leia também

3 maneiras de ensinar sua filha a amar o próprio corpo

6 programações da Netflix para sua filha acreditar que pode tudo!

Tá liberado: chocolate amargo diminui o estresse

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não