Mãe é presa por torturar filhos usando colher quente no Rio de Janeiro

Os meninos de 4 e 7 anos foram socorridos por policiais militares do 7º BPM (São Gonçalo) após denúncias de vizinhos

Resumo da Notícia

  • Duas crianças, de 4 e 7 anos, foram socorridas por policiais militares do 7º BPM, em São Gonçalo, no Rio de Janeiro
  • Vizinhos denunciaram maus tratos que a mãe havia feito com os filhos
  • A mulher foi presa por queimar as crianças com uma colher quente

Duas crianças, de 4 e 7 anos, foram socorridas por policiais militares do 7º BPM, em São Gonçalo, no Rio de Janeiro, após vizinhos denunciarem maus tratos que a mãe havia feito com os filhos. A mulher queimava as crianças com uma colher quente a algum tempo já.

-Publicidade-

Os meninos passaram por exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML), em Tribobó, no último sábado. Ainda segundo a Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol), os menores foram encaminhados para o Conselho Tutelar, onde serão resolvidas as questões relativas à guarda dos dois meninos.

As crianças eram queimadas com colher quente pela mãe
As crianças eram queimadas com colher quente pela mãe (Foto: Reprodução/Polícia Civil de São Gonçalo)

Denúncias feitas por vizinhos à PMs do 7º BPM (São Gonçalo), que atenderam ao chamado, indicam que a mulher torturava os menores já há algum tempo e que a prática teria se acentuado nos últimos dias. Após os atos, os avós paternos das crianças teriam levado os menores do Jardim Catarina, onde viviam com a mãe, para o bairro Miriambi.

De acordo com as informações recebidas pelos PMs, a mulher, de 24 anos, teria usado uma colher quente para punir os próprios filhos, que tinham as marcas das queimaduras no momento da chegada dos policiais.