Menino de 7 anos liga para a polícia e denuncia a própria mãe por não deixá-lo sair de casa durante quarentena

Durante o isolamento social, o britânico Alfie Bell estava inconformado com as proibições e resolveu pedir ajuda aos policiais para conseguir escapar

Resumo da Notícia

  • Um menino de 7 anos ligou para a polícia
  • A denúncia era sobre a própria mãe
  • Ela não teria deixado ele brincar fora de casa por conta do coronavírus
Garoto de 7 anos liga para a polícia para reclamar das proibições da mãe (Foto: Reprodução/Getty Images)

Alfie Bell, um menino britânico de 7 anos de idade, ligou para a polícia para denunciar a própria mãe, que não teria permitido ele brincar fora de casa por conta da quarentena relacionada ao novo coronavírus.

-Publicidade-

O garoto e a mãe, Stephanie, devem ficar isolados por três meses. A saúde mais frágil da criança a coloca no grupo de risco do Covid-19. Ele tem a doença de Crohn e ainda é imunossuprimido, tendo o sistema imunológico com eficiência reduzida.

Alfie, de 7 anos, queria sair de casa para brincar durante a quarentena e quando proibido, ligou para a polícia (Foto: Reprodução/Getty Images)

As recomendações médicas indicavam que Alfie poderia brincar apenas 5 minutos duas vezes por dia no jardim da própria casa. Ele achou a limitação extrema demais e decidiu que a polícia deveria resolver o problema.

-Publicidade-

O garoto não chegou a conversar com ninguém no telefone, mas mesmo assim, a polícia rastreou a chamada e foi checar o que havia acontecido, surpreendendo a mãe. Depois que Stephanie publicou a história no Facebook, os vizinhos passam e acenam do lado de fora da janela de Alfie para tentar animá-lo nesse período.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!