Bebê sobrevive a transplante e a Covid-19 antes de completar 1 ano de vida: “Ele é um milagre”

Kasen Donerlson foi diagnosticado com uma doença hepática rara aos dois meses de vida e testou positivo para o vírus pouco tempo depois

Resumo da Notícia

  • Kasen Donerlson mal completou 1 ano de vida e já é um vencedor: o bebê passou por um transplante de fígado e pela Covid-19
  • O pequeno foi diagnosticado com uma doença hepática rara quando tinha apenas dois meses e oito meses depois testou positivo para o vírus
  • A mãe, Mitayah, acredita que o filho é especial: "Ele impressiona os médicos. Ele é um milagre”

Kasen Donerlson mal completou 1 ano de vida e já é um vencedor: o bebê passou por um transplante de fígado e pela Covid-19. O pequeno foi diagnosticado com uma doença hepática rara quando tinha apenas dois meses e oito meses depois testou positivo para o vírus. A mãe, Mitayah, acredita que o filho é especial: “Ele impressiona os médicos. Ele é um milagre”.

-Publicidade-
Kasen sobreviveu às complicações (Foto: Reprodução / NBC)

Transplante era única saída para doença rara

Em entrevista à NBC, a americana explica que os primeiros sinais de que algo estava errado surgiram dias depois do parto, quando o bebê começou a ter dificuldade para respirar. O sintoma veio acompanhado de perda de peso, urina escura e alterações nas fezes.

Depois de algumas visitas ao hospital, os médicos confirmaram que Kasen sofria com atresia das vias biliares, uma doença que altera o funcionamento do fígado e se torna fatal se não for tratada. Assim, a única saída foi o transplante.

-Publicidade-
Kasen sobreviveu às complicações (Foto: Reprodução / NBC)

“Imediatamente eu comecei a chorar porque não achei que ele conseguiria, não achei que ele fosse passar por essa”, disse Mitayah. Kansen entrou na fila para encontrar um doador compatível em abril de 2020.

A família se contaminou com a Covid-19

Em novembro, entretanto, a família estava de volta ao hospital para outra má notícia: o menino estava com coronavírus. Depois de apresentar febre e coriza, Kansen foi levado para o pronto socorro, onde o teste confirmou a presença do vírus.

Kasen sobreviveu às complicações (Foto: Reprodução / NBC)

Enquanto estava internado na UTI Neonatal o bebê foi novamente surpreendido, mas dessa vez pelo motivo certo! Um doador compatível finalmente tinha aparecido e o pequeno poderia realizar o transplante que salvaria sua vida.

A cirurgia aconteceu no último dia 2 de janeiro e foi um sucesso. Kansen ainda deve permanecer mais seis meses no hospital para ser acompanhado de perto pelos médicos, mas a família continua tendo motivos de sobra para comemorar.

“Meu coração ficou tão feliz que tudo que pude fazer foi chorar e apenas dizer obrigado, obrigado, Deus, por dar esta oportunidade ao meu filho”, finalizou a mãe.

-Publicidade-