Exposição “Volta ao Mundo” recria monumentos históricos usando mais de 1 milhão de blocos de montar

Com estreia marcada para o dia 27 de fevereiro no Museu da Imaginação, a experiência promete ser interativa ao longo das 11 maquetes feitas por artistas de todo o mundo

Resumo da Notícia

  • A Exposição Volta ao Mundo foi criada especialmente para o Museu da Imaginação,
  • A exposição tem estreia marcada para o dia 27 de fevereiro
  • Com um detalhe especial: é tudo feito com peças de montar

Já é possível apresentar os monumentos históricos mais famosos do mundo para as crianças sem sair do mesmo lugar. Com estreia marcada para o dia 27 de fevereiro, a Exposição Volta ao Mundo, criada especialmente para o Museu da Imaginação, vai levar a família toda para visitar lugares como os Jardins da Babilônia, o Palácio de Westminster, a Catedral de Notre Dame e o Taj Mahal, entre outros. E com um detalhe especial: é tudo feito com peças de montar. 

-Publicidade-
A Exposição Volta ao Mundo está no Museu da Imaginação (Foto: Divulgação)

Os cenários contam com detalhes feitos por artistas especializados, demandando, em média, seis meses de preparação para que tudo ficasse o mais real possível. São 11 maquetes separadas feitas exclusivamente com blocos de montar – dá até para tentar recriar depois em casa. Só para se ter noção, foram utilizadas mais de um milhão de peças ao longo de toda a exposição.

Além disso, é possível interagir com as maquetes através de luz e/ou laser, paredes interativas e divertidas para pais e  crianças interagirem com um quiz, realidade aumentada por celular (App) ou tablets, mesas para montagem e diversão com as peças de Cubic, parede com jogo da memória, cubos giratórios para formar personagens e Painel de fotos para aquele registro perfeito no Instagram.

-Publicidade-
São 11 maquetes que mostram os monumentos históricos do mundo (Foto: Divulgação)

Entre os artistas convidados para dar vida ao projeto, estão Rocco Buttliere, um artista americano que foi autor de 4 maquetes, entre elas, a da Roma Antiga, que demandou 66 mil peças de LEGO. O tcheco VaclavCerny também está na lista, sendo responsável pela obra  Panorama Asteca, que leva 150 mil blocos. Já Alexandre Ostrowiecki usou o talento para construir a maquete Cidade Moderna, seguido pelo holandes Joel Jurg, que executou Os Jardins da Babilônia. Os ingressos podem ser comprados pelo site. 

Segurança e higiene

Para uma visita segura em família, o  Museu da Imaginação está seguindo todos os protocolos de segurança e higiene para prevenção da Covid-19. O espaço está funcionando com capacidade reduzida e a utilização de máscara nos espaços é obrigatória. Os ambientes são higienizados de 3 em 3 horas e avisos sonoros lembram os visitantes sobre a limpeza das mãos e uso de máscara.

-Publicidade-