Filhos de famosos abrem o jogo sobre a rotina com os pais e o desejo de seguir carreira artística

As crianças da família do Ferrugem, Bella Gil, Fagner e Vitor Belfort contaram tudo sobre o dia-a-dia da família

Resumo da Notícia

  • Filhos de famosos abrem o jogo sobre a rotina com os pais
  • Eles falaram sobre o desejo de seguirem a carreira deles
  • Veja o que eles disseram

Você já parou para pensar como é a vida de um filho de famoso? A última edição do Altas Horas decidiu investigar isso. Em entrevista à Serginho Groisman, filhos de famosos como Ferrugem, dos atletas Fagner e Vitor Belfort e da apresentadora do GNT Bela Gil, contaram como é a relação com os pais e o dia-a-dia.

-Publicidade-
Flor e Bela Gil (Foto: reprodução TV Globo)

A Flor, filha de Bela Gil, tem 12 anos e provou que ama cantar e que tem talento para a carreira. Tanto a mãe quando a garota falaram um pouco sobre a vida e o dia-a-dia. A apresentadora não poupou elogios para a menina. “É uma filha espetacular. É muito sociável e ela que faz a festa aqui em casa”, contou a mãe.  A neta do cantor Gilberto Gil continuou contando sobre a alimentação na casa dela. “Eu almocei almôndegas com casca de banana. A gente come muito orgânico e tudo bem natural”, contou aos risos.

Ferrugem e família (Foto: reprodução TV Globo)

Julia, a filha do cantor Ferrugem, também abriu o jogo sobre a relação com o pai e com a rotina de shows. “O maior cantor do Brasil é o meu pai… Ele é um pai on-line porque ele viaja muito. Eu fico com muitas saudades”, contou ela. O pai, por sua vez, falou muito bem da garota. “É a alegria da casa. Ela e os irmãos brincam e brigam o dia todo. Ela já está com 9 anos e vivendo essa época das descobertas. Já peguei em uma paquerinha com menino na escola. Ele estava tocando violão e foi bem bonitinho”, disse ele.

-Publicidade-
Kiara é filha de Vitor Belford e Joana Prado (Foto: reprodução TV Globo)

Kiara, filha do lutador Vitor Belfort e Joana Prado, está atualmente morando com a família nos Estados Unidos e confessou sentir saudade de uma coisa em específico: a comida brasileira! . “A violência do Brasil é difícil e teve o desaparecimento da minha tia… mas sinto saudade do brigadeiro! No futuro, quero ser ginasta e ir para a Olimpíada”, contou ela, que falou sobre as lutas de seu pai: “Eu fico nervosa e não quero que ele leve um soco no rosto”.

Fagner e família (reprodução TV Globo)

Henrique, filho de Fagner, jogador do Corinthians falou que sonha em seguir os passos do pai. “Gosto muito de jogar bola. Vou tentar ir pro futebol! (…) A torcida acaba cobrando muito dos jogadores quando perdem e meu pai fica triste e chateado quando perde também”, disse ele.

-Publicidade-