Menina de 3 anos tem o pé amputado após acidente no quintal de casa

Abigail Reardon estava na casa do pai, nos em Rhode Island, nos Estados Unidos, quando correu para encontrar a irmã mais velha, Alexa, que estava na frente de um cortador de grama

Resumo da Notícia

  • Uma mãe fez um desabafo na internet após a sua filha de 3 anos perder o pé em um acidente com um cortador de grama
  • Abigail Reardon estava na casa do pai, nos em Rhode Island, nos Estados Unidos, quando correu para encontrar a irmã mais velha, Alexa, no quintal
  • Quando se aproximou, o cortador fez um movimento de ré e passou por cima da perna da criança
 

Uma mãe fez um desabafo na internet após a sua filha de 3 anos perder o pé em um acidente com um cortador de grama. Abigail Reardon estava na casa do pai, nos em Rhode Island, nos Estados Unidos, quando correu para encontrar a irmã mais velha, Alexa, no quintal. Quando se aproximou, o cortador fez um movimento de ré e passou por cima da perna da criança.

-Publicidade-
Alexa, de 6 anos, e Abigail, de 3 (Foto: Reprodução / GoFoundMe)

Imediatamente após o acidente a menina foi levada para o Hospital Infantil Hasbro, onde passou por cinco cirurgias antes de ter o pé esquerdo amputado. A mãe, Sarah, contou em entrevista ao canal WHDH que o caso serviu de inspiração para que ela conscientizasse outras famílias sobre o risco de aparelhos como esse em casa.

“’Estou de luto e arrasada pelo que aconteceu, mas ela ainda é minha garota. Ela ainda é a mesma garotinha feliz de três anos de idade.Por mais devastado que eu esteja com o que aconteceu com ela, foi uma mistura estranha de estar muito grato por não ter sido pior. Poderia facilmente ter sido”, admitiu a familiar.

-Publicidade-
A menina passou por 5 cirurgias (Foto: Reprodução / GoFoundMe)

A família também organizou campanhas online para arrecadar fundos para o tratamento da menina, já que ela precisará trocar de prótese muita vezes ao longo do seu crescimento. “Abigail tem uma longa jornada pela frente de novas intervenções, potencialmente mais cirurgias plásticas, muita fisioterapia, terapia ocupacional e aconselhamentos”, explicou Sarah.

O acidente aconteceu durante a pandemia (Foto: Reprodução / GoFoundMe)

A irmã, que tem apenas 6 anos e presenciou todo o acidente de perto ficou muito impactada pela cena, segundo a mãe. Depois de ver o pé de Abigail ser praticamente removido pelo cortador, a menina desenvolveu um quadro de ansiedade, que a família quer tratar o quanto antes.”É muito para uma criança de seis anos carregar em sua pequena mente. Ainda não consegui levá-la para a terapia por conta da pandemia, mas ainda estou tentando”, disse Sarah.

-Publicidade-