Família

Momo no WhatsApp: entenda porque você precisa se preocupar

Saiba como alertar seu filho para não cair neste perigoso desafio

Jennifer Detlinger

Jennifer Detlinger ,Filha de Lucila e Paulo

childhood-problems-child-abuse-picture-id463321071

Não é de hoje que histórias e desafios perigosos são espalhados pelas redes sociais. Em 2017, o “jogo da Baleia Azul” foi tão sério, que ficou associado diretamente com o aumento de casos de suicídio entre crianças e adolescentes, causando preocupação em famílias do mundo tudo.

Desta vez, autoridades de vários países foram alertadas pelo aparecimento de “Momo”, um desafio que começou a circular entre os jovens pelo WhatsApp — o jogo consiste em adicionar um contato com o suposto número do Momo e iniciar uma conversa. Com uma aparência aterrorizante, a imagem do Momo ficou famosa pelo aplicativo de conversas e vem causando curiosidade entre os internautas. Mas especialistas advertem que o desafio pode ser algo muito mais sério do que uma simples distração online.

(Foto: Reprodução/Twitter)

(Foto: Reprodução/Twitter)

Histórias compartilhadas por youtubers, por exemplo, que testaram o desafio, contam que “Momo” seria uma suposta entidade sobrenatural que fala a partir de um número específico pelo WhatsApp. Segundo os relatos, o número envia fotos e vídeos perturbadores, além de serem chantageados com informações pessoais e ameaças. Como toda lenda urbana, a história de Momo, claro, não é real. A imagem que está circulando trata-se apenas de uma escultura que pertence ao museu Vanilla Gallery, no distrito de Ginza, em Tóquio, no Japão.