Mulher faz desabafo após perder bebê e irmã roubar tudo que ela comprou para a filha

Uma mulher perguntou ao site de interações Reddit se exagerou ao chamar a polícia quando reparou que a irmã havia roubado os itens da sobrinha que faleceu com 5 meses de gestação

Resumo da Notícia

  • Uma mulher perdeu a filha com 5 meses de gestação
  • A irmã grávida queria os itens da sobrinha que faleceu
  • A polícia foi chamada depois que a mulher percebeu que os itens foram roubados pela irmã

Uma mulher de 27 anos, que infelizmente perdeu o bebê com 5 meses de gestação, compartilhou no site de interações Reddit uma história para lá de confusa. Ela conta sobre a acusação que fez à irmã de roubo, envolvendo até a polícia.

-Publicidade-

Segundo a mulher, essa fase do luto após o falecimento do bebê, está sendo muito difícil tanto para ela quanto para o marido. A filha do casal nasceu com 5 meses de gestação, mas faleceu horas depois no mesmo dia. Eles ainda não tiveram coragem de mexer com os itens pré-comprados da filha, o sentimento ainda é muito recente.

Mas enquanto ainda processava o luto, a irmã dela anunciou que estava grávida. Toda a família ficou feliz com a notícia, demonstrando suporte. Porém, quando a irmã perguntou para o casal da recente filha falecida se poderia pegar os itens do bebê, prontamente disseram que não.

A irmã justificou sua pergunta falando que durante a pandemia da Covid-19, ela e o marido passaram por dificuldades financeiras, não podendo comprar coisas suficientes para o novo bebê. Mas para o casal que ainda estava em processo de luto, os itens da filha precisavam ficar com eles: “Agora elas servem como conforto”.

Quarto do bebê
Mulher acusa irmã de roubar coisas da filha (Foto: Reprodução/iStock)

Achando que tudo estava entendido, o casal foi dormir tranquilamente. Mas ao acordarem no dia seguinte, a irmã grávida tinha ido embora levando todos os itens do bebê da mulher de 27 anos: “Eu desci as escadas e notei que a porta da Angel estava entreaberta e seus brinquedos, berço e roupas tinham sido levados”.

A primeira coisa que o casal fez quando notou essa movimentação foi olhar a câmera de segurança. Nela, eles puderam ver claramente que a irmã havia pegado tudo. No calor do momento, a mulher e o marido resolveram chamar a polícia, fazendo com que a irmã fosse presa.

A grávida disse que o casal deixou ela pegar todas as coisas do bebê recém falecido, mas ao analisarem novamente as câmeras de segurança – que possuem microfone – confirmaram que a irmã estava mentindo. Porém, a família das duas irmãs falaram que foi um exagero ter envolvido a polícia na história, alertando que a grávida não precisa dessa confusão agora.

Por isso a mulher da filha falecida perguntou ao site Reddit se a família estava certa em dizer que exagerou, mas a maior parte dos comentários foi concordando com a atitude da mulher e julgando a irmã: “Ela não tinha o direito de roubar de você depois que claramente disse que ela não poderia ter as coisas”, disse um usuário. “Você não exagerou, ela roubou de você”, concluiu outro internauta.