Peste bubônica reaparece e Rússia fecha as fronteiras para evitar surto da doença

A Mongólia confirmou nesta sexta-feira, 3 de julho, que a peste bubônica, também conhecida como peste negra, voltou a aparecer no país. A doença é altamente infecciosa e pode matar adultos em até 24 horas

Resumo da Notícia

  • Uma notícia está chocando o mundo, a Mongóllia confirmou nesta sexta-feira, 3 de julho, que a peste bubônica voltou a aparecer no país
  • Foram detectados dois casos e, por esta razão, o país e a Russia fecharam fronteiras, para evitar um novo surto
  • A região de Khovd foi totalmente isolada e colocada em quarentena desde a quarta-feira, 24 de junho
A peste negra foi altamente contagiosa na idade média (Foto: Getty Images)

Uma notícia está chocando o mundo, a Mongólia confirmou nesta sexta-feira, 3 de julho, que a peste bubônica, também conhecida como peste negra, voltou a aparecer no país. Foram detectados dois casos e, por esta razão, o país e a Russia fecharam fronteiras, para evitar um novo surto.

-Publicidade-

A região de Khovd foi totalmente isolada e colocada em quarentena desde a quarta-feira, 24 de junho, quando os casos ainda eram suspeitas. Segundo os jornais locais os pacientes são dois irmãos.

Vale ressaltar que, a peste bubônica dizimou milhares de pessoas durante a idade média e causa muita preocupação ao mundo cientifico. As autoridades da Mongólia acreditam que os irmãos foram contaminados após consumir carne crua de marmota.

De acordo com os dados fornecidos pela Organização Mundial da Saúde, a doença é altamente infecciosa e pode matar adultos em até 24 horas, caso não seja tratada a tempo.

Os irmãos comeram carne de marmota crua (Foto: reprodução / google)