Rede de pet shop lança serviço delivery durante a quarentena: “Não saia de casa, peça pelo site”

A Petland lançou o serviço pensando nos donos de pet em quarentena, que podem escolher por retirar os produtos na loja mais próxima ou receber em casa

Resumo da Notícia

  • A Petland lançou um serviço superlegal, entregas por delivery
  • O serviço foi feito para que as pessoas não precisem sair de casa durante a pandemia de Covid-19
Animais e coronavírus (Foto: Getty Images)

Por conta da pandemia de coronavírus, entramos em quarentena para evitar a proliferação do vírus. E para reforçar a campanha #FicaEmCasa, a rede de pet shop Petland lançou o serviço de entregas por delivery.

A ideia é evitar que os donos saiam de casa durante este período, mas que não deixem de comprar as coisas para os bichos de estimação. No site, eles deixaram a mensagem: “Juntos somos mais fortes”.

Apesar de pet shops poderem funcionar durante a quarentena, essa foi uma iniciativa pra que o número de pessoas nas ruas seja ainda menor. “Não saia de casa, peça pelo site. A retirada pode ser feita na loja mais próxima ou entregue na sua casa, como preferir!”, diz a mensagem.

Além disso, eles ainda disponibilizaram cupom de 10% de desconto para a primeira compra. Basta usar o código PETLAND10 na finalização da compra.

Clique aqui e acesse o site

(Foto: Divulgação)

Coronavírus e pets

O coronavírus vem se espalhando pelo mundo, entre as pessoas e os animais. Animais? Pois é, recentemente um cão em Hong Kong foi colocado em quarentena após apresentar teste positivo para o  Covid-19. Após essa primeira confirmação, diversos donos de pets ficaram preocupados com a possibilidade de seu cão ou gato contrair a doença. Mas, afinal, os animais domésticos podem ou não se contaminarem com o coronavírus?

Apesar do teste positivo, a Proteção Animal Mundial (organização não-governamental que trabalha em prol do bem-estar animal) afirma que não há evidências científicas de que animais domésticos, como cães e gatos, possam contrair e transmitir a doença.

Apesar da falta de provas em relação ao Covid-19, é possível que outro subtipo de coronavírus infecte os animais domésticos:  “Sabemos que cães podem ser infectados por um outro subtipo do coronavírus, não o Covid-19, além do que, a transmissão para humanos e outras espécies é incomum”, explica a veterinária Rosângela Ribeiro.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!