Bebês

Que doideira! Estudo compara bebês com lagartos enquanto ainda estão no útero

A mutação acontece há mais de 250 milhões de anos

Cinthia Jardim

Cinthia Jardim ,filha de Luzinete e Marco

Foi possível observar um músculo diferente nos dedos das mãos (Foto: reprodução / G1)

De acordo com um estudo divulgado no periódico científico Development, os bebês, enquanto ainda estão no útero, possuem músculos parecidos com o dos lagartos. É mais comum que isso aconteça nas mãos, e que eles percam essa característica depois de nascerem.

Esse tipo de evolução é um dos processos mais antigos já observados em seres humanos, acontecendo há mais de 250 milhões de anos, quando os répteis viraram mamíferos. Ainda não é possível dizer o motivo dos músculos se formarem primeiro e serem remodelados depois.

As imagens foram feitas em 3D (Foto: reprodução / G1)

Essa mutação, de acordo com os cientistas, pode ter modificados os polegares, pois eles apresentam um músculo extra. Os adultos e crianças geralmente não apresentam essa transformação, mas foi possível visualizar, por imagens 3D, em bebês de sete a 13 semanas de gestação.

Na pesquisa, realizadas com 15 bebês, Rui Diogo, da Howard University, nos Estados Unidos, diz que: “Temos muitos músculos no polegar, temos movimentos precisos do polegar, mas perdemos muitos dos músculos que vão para outros dedos“. Geralmente se eles permanecem nos dedos, podem ser associados à deformidades.

Leia também:

Estudo prova que crianças antissociais com vínculo instável com os pais custam mais à sociedade

Pesquisa descobre que leite de mãe acima do peso ajuda prevenir obesidade infantil

Pesquisa comprova que Método Canguru ajuda na recuperação de bebês nascidos com Síndrome da Abstinência Neonatal

Fique por dentro do conteúdo do YouTube da Pais&Filhos: