Tudo sobre o primeiro banho do bebê: dicas simples de cuidados com o seu filho

Separamos dicas da Sociedade Brasileira de Pediatria para garantir a saúde do recém-nascido sem agredir a pele

Resumo da Notícia

  • O primeiro banho do bebê é sempre um momento marcante (e até temido) para a família
  • Confira algumas dicas da Sociedade Brasileira de Pediatria para te ajudar nessa missão
  • É fundamental garantir o bem-estar do bebê nesse período
É importante garantir a segurança e bem-estar do bebê nesse momento (Foto: Getty Images)

Os cuidados com o bebê começam desde o parto. Um dos rituais mais esperados (e temidos) pelos pais é justamente o primeiro banho. Para te ajudar e facilitar essa missão, separamos algumas recomendações da Sociedade Brasileira de Pediatria, do Consenso de Cuidado com a Pele do Recém-nascido. Olha só:

Prepare o ambiente 

Na hora do primeiro banho, é importante garantir um ambiente aquecido e tranquilo, para que você e o bebê se sintam seguros e confortáveis, seja no quarto ou banheiro. É essencial que o local não tenha correntes de ar frio para o bebê não perder calor e seja silencioso para evitar as chances de choro ou estresse. 

Espere o tempo certo

É importante que esse banho não seja feito antes das 6 primeiras horas de vida, porque nesse período, o recém-nascido ainda não possui estabilidade térmica e cardiorespiratória. Mas não precisa ficar preocupada, depois desse tempo, pode começar o processo tranquilamente (e sem necessidade de correr).

Cuidado com a pele

A pele do bebê não é tão desenvolvida quanto a de um adulto e merece uma atenção especial. É fundamental não esfregar com panos ou toalhas, mas encostar no corpo do bebê suavemente para evitar irritações. A região do umbigo também precisa de um foco especial. Por mais aflitivo que pareça, o cordão umbilical não dói, portanto pode e precisa ser limpado sem medo.

Só o indicado

Para o banho do bebê, pode usar água normal da pia. Também é importante usar apenas produtos indicados para essa faixa etária, que não agridam a pele do bebê, para evitar infecções. Na hora de escolher, opte por sabonetes com PH neutro, em pouca quantidade e enxague bem para retirar todo o produto. O sabonete cremoso dermocalmante da Granado é uma boa escolha, já que limpa suavemente e hidrata profundamente a pele do bebê. Formulado com proteínas do trigo, da aveia e amêndoa doce, óleo de oliva, manteiga de karité e tensoativos suaves, o produto é desenvolvido especialmente para atender as peles sensíveis, inclusive de recém-nascidos.

Use produtos adequados para não agredir a pele do bebê (Foto: iStock)

Uma frequência diferente

A higiene deve ser diária, mas o banho completo espaçado entre 3 a 4 dias também é suficiente para os recém-nascidos. Mas é importante fazer a limpeza das dobrinhas, coto umbilical e área de fraldas diariamente. Você pode ficar à vontade para definir a quantidade de banhos acordo com a necessidade do bebê, como por exemplo, se ele for exposto à sujeira.

O papel dos pais

O banho de banheira ou bacia são os mais recomendados. Faça questão que estejam em uma superfície plana e firme, para impedir acidentes. Os pais devem ficar com um dos braços nas costas do bebê durante todo o banho para garantir a segurança, enquanto faz toda a higiene com a outra mão. O corpo deve ficar embaixo da água, com exceção de cabeça e pescoço. 

A temperatura ideal

A água deve estar entre 35 e 36ºC, mas não é obrigatório o uso de um termômetro para se certificar disso. Apenas tenha em mente a sensibilidade da pele do recém-nascido. A água precisa estar morna para você. Vale mexer a água para que a temperatura seja a mesma em toda a banheira. Uma boa dica é colocar o seu cotovelo na água (já que é uma parte do corpo mais sensível ao calor do que a mão) e dar banho ao meio dia, por ser a hora mais quente. 

Duração do banho

O tempo total deve ser de 5 a 10 minutos. Sim, não pode ser nada demorado. É algo rápido e prático, já que o recém-nascido não se suja muito. O ponto principal é garantir a limpeza completa de forma delicada e cuidadosa para não irritar a pele. 

Tudo à mão

Como é um momento delicado e novo para todo mundo, uma boa medida é separar tudo o que irá precisar durante e após o banho, antes de começar. Além de te dar mais segurança, pode evitar alguns transtornos. Tire a roupa do bebê quando estiver tudo pronto para que ele não passe frio.   

Sempre juntos

Pode parecer óbvio, mas vamos reforçar: o bebê deve estar sempre acompanhado. Não importa o que possa vir a acontecer durante o banho, nunca deixe ele sozinho! A prevenção é sempre o melhor caminho e todo o cuidado é bem-vindo (e não apenas na banheira).

Nunca deixe o bebê sozinho. É fundamental que o pai acompanhe todo o processo (Foto: Getty Images)

O banho é fundamental para garantir o bem-estar físico do bebê, contribuindo também para relaxar e dormir melhor. Imprevistos e até choros podem acontecer, já que é algo novo e estranho. Nessas situações, um bom caminho é conversar com o seu filho e sorrir. Você é mais do que capaz e tem tudo para tirar de letra!

O pós também é importante

Garantir a higiene da pele do bebê é fundamental desde os primeiros dias de vida para evitar complicações desnecessárias. E para deixar aquele cheirinho delicado de bebê que a gente tanto ama, você também pode usar uma colônia que seja segura para a pele do recém-nascido. A colônia bebê da Granado tem fórmula suave com base aquosa e sem álcool, e foi especialmente desenvolvida para refrescar e perfumar a delicada pele do bebê. É indicada para todas as faixas etárias, inclusive recém-nascidos.  Confira mais produtos da Granado que podem te ajudar aqui