Criança com Síndrome de Down excluída da formatura do colégio ganha festa própria

Romeo foi deixado de lado pelos colegas e professores e não foi convidado a comparecer ao evento, mas dezenas de pessoas, ao descobrirem sobre o caso, decidiram organizar uma comemoração só para ele

Resumo da Notícia

  • A criança não chegou a receber um convite para a formatura
  • O caso chocou a vizinhança de Romeo
  • Foi então que eles se uniram para entregar uma festa exclusiva para o menino

Um menino com Síndrome de Down foi excluído da festa de formatura da turma do colégio por conta de uma discriminação. A história de Romeo entretanto, não tem um final triste, pois amigos, vizinhos e familiares dele decidiram fazer uma festa de formatura especialmente para o pequeno.

-Publicidade-
Romeo se divertiu com as atrações da festa (Foto: Reprodução / Razões para acreditar)

A escola e os alunos nem chegaram a convidar Romeo, e alguns tentaram se esquivar das acusações de discriminação dizendo que “se esqueceram” de chamar o menino. Depois de ouvir sobre a situação, dezenas de pessoas se uniram em uma corrente do bem e organizaram uma festa particular para ele, que contou até com palhaço, limusine e diversos tipos de comida.

“Foi um dia muito triste para mim e para o meu filho, como mãe tive a ilusão de ver meu filho se formando na escola”, desabafou a mãe de Romeo, Val Elizóndo, em post no Facebook. Mas para ela, esse triste momento faz parte do passado, e que agora só quer que o colégio e os envolvidos aprendam mais sobre inclusão. “Espero que aceitem que erraram e, com sorte, desejo que nunca sintam o que eu senti. Deus os abençoe”, finaliza.