Menina de 2 anos morre em acidente e padrasto a entrega para mãe dizendo que ela estava dormindo

A menina de dois anos morreu no último sábado, dia 9 de julho. O padrasto entregou a criança após o acidente e disse para a mãe que ela estava apenas dormindo

Resumo da Notícia

  • Uma menina de dois anos morreu após um acidente de carro
  • O padrasto estava dirigindo e ele não era habilitado para tal ação
  • Ele entregou a menina de volta para a mãe e disse que ela apenas havia dormido

No último sábado, dia 9 de julho, uma menina de dois anos morreu após sofrer um acidente de carro com o padrasto que havia acabado de sair da cadeia. O acidente ocorreu no litoral de São Paulo, em Bertioga.

-Publicidade-

De acordo com o G1, o padrasto Gian Gabriel Fraga não tinha habilitação para dirigir. Ele havia sido preso em flagrante por tráfico de drogas e no dia seguinte a audiência de custódia foi realizada. Fraga havia ganhado liberdade provisória com algumas medidas impostas, como comparecer ao Fórum a cada dois meses. Assim que foi solto, ele saiu com a enteada Agatha Rafaella de Mattos.

O padrasto havia sido preso por tráfico de drogas e não era habilitado para dirigir
O padrasto havia sido preso por tráfico de drogas e não era habilitado para dirigir (Foto: Reprodução/ Polícia Militar)

Os dois acabaram em um acidente de carro. A Polícia Militar explicou que a mãe, Alessandra de Mattos, estava tomando banho quando Fraga falou que sairia com o carro de um amigo e levaria a criança junto. Na hora em que voltaram, ele contou sobre o acidente para a mãe, mas disse que a menina estava bem e estava apenas dormindo.

O padrasto disse a mãe que havia sofrido o acidente mas que a menina estava bem
O padrasto disse a mãe que havia sofrido o acidente mas que a menina estava bem (Foto: Reprodução/ G1)

Alessandra levou a menina para o Hospital Municipal de Bertioga, e depois foi transferida para o Hospital Santo Amaro, localizado no Guarujá, onde morreu no último sábado. A assessoria do hospital no Guarujá confirmou que a menina havia chegado em estado grave com politraumatismo, e após 12 dias internada ela acabou falecendo. Fraga deixou o hospital depois de se envolver em uma briga e as autoridades ainda não o encontraram.