Criança

Sabia que a leitura de contos de fadas ajuda a desenvolver empatia?

É importante saber se colocar no lugar do outro

Ana Beatriz Alves

Ana Beatriz Alves ,Filha de Maria de Fátima

Colocarselo2

(Foto: iStock)

A empatia, capacidade de colocar-se no lugar do outro, é uma das principais características das pessoas felizes, segundo Roberta Bento, educadora, fundadora do SOS Educação e mãe de Taís. “Ela permite que uma pessoa compreenda a situação pelos olhos do outro. Assim, o que poderia parecer ofensa, pouco caso ou falta de atenção, toma um sentido inverso: é possível enxergar as motivações e dores da outra pessoa.”

Se a criança desenvolve essa capacidade, se sai melhor no convívio social, seja em casa, no relacionamento com os irmãos e familiares, seja na escola, com os colegas de classe e com a professora. “A ansiedade e baixa auto estima passam longe de crianças que conseguem colocar-se no lugar do outro.”

E a melhor maneira de fazer isto é a leitura de contos de fadas! Durante a leitura, fazer intervalos para que seu filho possa comentar e tentar adivinhar como os personagens prosseguirão durante a história. E, ao final, é também importante recapitular junto com ele que sentimentos os personagens tinham no começo, no meio e ao final da história.

Quando crescem, a magia continua. Você pode incentivar a leitura de livros de ficção, dramas e romances adequados para cada idade, faz o mesmo efeito do conto de fadas para as crianças menores.

Leia também:

Ter compaixão vai além de se colocar no lugar do outro, é tentar ajudar! 

A birra também tem um lado bom, acredita?

Ter amizade de infância colabora para um adulto mais feliz 

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não