Botox: o que é, como funciona e os principais mitos e verdades da toxina botulínica

Se cuidar e estar bem consigo mesma não tem preço, afinal, uma mãe feliz cria um filho feliz. Conversamos com a dermatologista Dra. Amanda Todt e esclarecemos as principais dúvidas sobre o procedimento de botox para você apostar sem medo!

Resumo da Notícia

  • Tire as principais dúvidas sobre a toxina botulínica
  • Mãe também é gente e precisa se cuidar!
  • Saiba como melhorar a autoestima e a sensação de bem estar consigo mesma

O botox rejuvenesce e previne o aprofundamento de rugas e linhas de expressão do rosto, principalmente nos olhos e na testa. Se for aplicado em doses corretas e sem exageros, o botox tem muitos benefícios para a sua autoestima. A aplicação de botox em alguns pontos específicos pode ajudar nesse sentido, dando um aspecto mais leve e descansado ao rosto.

-Publicidade-
Mãe também é gente e precisa se cuidar!(Foto: Shutterstock)

Para criar um filho feliz, não tem jeito, precisamos estar bem com nós mesmas! Com isso, a gente já adianta que se cuidar é muito importante e traz uma sensação imensa de bem estar. Apesar de ser muito conhecida, a toxina botulínica, também conhecida como botox, ainda tem muitos mitos e verdades e gera dúvidas com relação à segurança e eficácia do tratamento.

Se você ainda tem algum receio sobre o procedimento, vamos responder tudo! Para tirar as principais dúvidas sobre o assunto, entender o que é o botox, como funciona, quanto tempo dura, entre outras perguntas, conversamos com a Dra. Amanda Todt, dermatologista e mãe de Arthur. Olha só:

-Publicidade-

O que é o botox?

Apesar do termo parecer complicado, te explicamos que não é! “É uma neurotoxina que vai bloquear a ação dos neurotransmissores, que fazem a contração muscular. Então ela vai bloquear a contração de certos músculos, ou diminuir a força deles, fazendo com que as rugas dinâmicas sejam amenizadas”, reforça a dermatologista.

Quando começar a fazer tratamento com botox?

Para prevenir as temidas rugas, o procedimento pode ser feito a partir dos 25 anos: “A gente só tem que ter em mente que a toxina botulínica é um tratamento preventivo. Então não adianta falarmos assim: ‘Ah, vou adiar um pouco pra fazer o botox, porque eu acho que não precisa’, porque é um tratamento para prevenir o seu envelhecimento. É um tratamento para pacientes jovens, que ainda não têm rugas marcadas, como chamamos aquelas fraturas na pele. É para prevenir, e não para remediar”.

Onde o botox pode ser aplicado? Como funciona?

Geralmente, a aplicação é mais comum dos olhos para cima, no chamado terço superior da face. Mas também pode ser feita nas bunny lines, linhas que aparecem no nariz, pescoço, masseter, para tratar o bruxismo, e até mesmo em alguns pontos da cabeça para aliviar as dores da enxaqueca! “Como é uma neurotoxina, que vai paralisar musculaturas, a gente pode fazer em todas as musculaturas que causam essas rugas dinâmicas”, comenta a especialista.

Quando for buscar um profissional, quais são os atributos que ele deve ter?

Primeiramente, é fundamental ter um profissional que entenda bastante sobre anatomia, pois a face é um local muito vascularizado e enervado, tendo assim dinâmicas musculares diferentes entre as pessoas.A dinâmica de contração muscular também vai mudando ao longo da idade. Uma mesma pessoa, quando tem 20 anos, é diferente de quando tem 60 anos. Então, precisamos buscar um profissional que esteja atualizado quanto a esse assunto e não só da parte de estudo e de anatomia, mas também da parte do produto mesmo. Estar atualizado sobre as novas formas de aplicação”, aconselha.

Saiba como o processo funciona (Foto: iStock)

Dói muito?

Depende! Existem pacientes que sentem pouca dor e aqueles mais sensíveis. Mas, na maioria dos casos, o tratamento costuma ser bastante tranquilo e suportável. “A maioria das pessoas vão superbem. São poucas agulhadas e é uma agulha muito fina”, tranquiliza a dermatologista.

Em quanto tempo começam a surgir os efeitos, os resultados?

Geralmente, os resultados podem começar a ser notados entre três e sete dias. Com 15 dias após a aplicação da toxina, a musculatura se acomoda e é possível ver como ficou. Para checar se está tudo certo, a especialista recomenda que uma reavaliação seja feita entre 15 e 30 dias para verificar se o paciente precisará ou não de uma nova aplicação. 

Quanto tempo dura o botox?

O tempo que ele permanece no corpo também pode depender para cada pessoa. “Tem diversos fatores que contribuem com a duração ser maior ou menor. Pacientes que fazem muito exercício físico e que têm o metabolismo aumentado, geralmente têm a duração menor da toxina”, explica. Portanto, a duração pode variar entre quatro e seis meses, sendo a primeira opção a mais certa. 

Quando for o momento de fazer a reaplicação, é muito importante respeitar o tempo de seis meses, pois assim evita a possibilidade do corpo criar anticorpos e o botox não ter o efeito desejado. Em alguns casos, para fazer com que a duração seja maior, a formulação com zinco pode ser recomendada, mas vale lembrar que a indicação precisa sempre vir de um especialista!

O botox pode dar errado? Por que isso pode acontecer?

Infelizmente, pode. Portanto, buscar um profissional qualificado é de extrema importância! As principais complicações que podem acontecer são: assimetria, quando o paciente fica com um lado do rosto muito diferente do outro, supercílio, ficar com o terço superior do rosto mais baixo ou ainda a ptose palpebral, que é o pior efeito colateral. “Então, por isso a gente tem que estar bem por dentro da anatomia e do quanto de toxina você vai aplicar em cada ponto para não ter esse perigo”, reforça.

É caro?

Se cuidar e ficar bem consigo mesma é sempre um investimento! Então, não tem preço que pague pela sensação de bem-estar. “Vale super a pena a gente desembolsar esse pequeno valor para muito benefício. O que eu sempre falo é que cada centavo no botox vale muito a pena”, conclui Amanda.

Em média, uma ampola de botox com 100 unidades pode custar aproximadamente R$ 600,00. Por paciente, dependendo das regiões a serem tratadas, vão de 40 a 75 unidades do produto. Com o custo da aplicação, pode ser adicionado mais R$ 600 à R$ 800 reais.

Para saber ainda mais sobre o assunto, veja a experiência da nossa editora-executiva, Andressa Simonini, filha de Branca Helena e Igor. E não esquece: para acompanhar os vídeos da Pais&Filhos no YouTube, se inscreva no canal e ative o sino de notificações, assim você não perde nada!

-Publicidade-